Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

Vaginite e candidíase: qual a diferença entre essas doenças vaginais?

Vaginite e candidíase: qual a diferença entre essas doenças vaginais?

Vaginite ou candidíase: você sabe diferenciar cada problema? De acordo com o ginecologista Rogério Leão, vaginite é o nome dado a qualquer processo inflamatório da vagina. “A candidíase é um tipo de vaginite causada pelo fungo Cândida. Entretanto, há outros agentes causadores de vaginites, como bactérias (vaginose bacteriana), protozoários (Trichomonas), desequilíbrio da flora (vaginite citolítica) e processos inflamatórios”, explica o especialista. Saiba um pouco mais sobre os tipos de vaginite que podem ocorrer.

 

Vaginite e candidíase são iguais?
 

Dentre as citadas por Rogério, a mais comum é a candidíase, infecção vaginal causada por fungos. “Ela costuma ser acompanhada de prurido intenso (coceira) e corrimento espesso como leite talhado”, comenta o médico sobre os sintomas comuns a essa infecção. Ela não é considerada DST, pois esse é um fungo comum na flora vaginal que se torna um problema quando entra em proliferação, portanto, a candidíase pode surgir mesmo sem ter tido relação sexual.

 

Veja outros tipos de vaginite:

 

Vaginose bacteriana: essa doença é normalmente causada pela Gardnerella vaginales, uma bactéria também da flora vaginal. Nesse caso, os sintomas são corrimento é acinzentado ou amarelado com odor forte.

 

Trichomonas: Já a infecção por trichomonas costuma provocar corrimento amarelo ou esverdeado e pode ter ardência leve. Esta, sim, é considerada uma DST.

 

Vaginite citolítica: ocorre por um desequilíbrio da flora vaginal onde os lactobacilos (que protegem a vagina) proliferam desordenadamente em excesso, aumentado muito a acidez da vagina. Pode aparecer corrimento branco e leve ardor, confundindo muitas vezes com candidíase.

 

Vaginite: como diagnosticar cada doença vaginal?
 

Corrimentos, ardências e odores diferentes na vagina sempre devem ser avaliados por um ginecologista. A investigação do problema é fundamental para obter um diagnóstico correto e consequentemente o tratamento eficaz. “O diagnóstico pode ser sugerido pelos sintomas. O exame ginecológico também somado a coleta de bacterioscopia de secreção vaginal consegue separar cada uma delas”, explica o especialista.

 

Tratamentos indicados para vaginites

 

O tratamento para cada problema é individualizado, por isso, é de suma importância a avaliação de um ginecologista. De acordo com Rogério, a vaginose bacteriana e Trichomonas são tratados com antibióticos; a candidíase com antifúngicos por via oral ou creme vaginal. Já a vaginite citolítica é tratada com banhos de assento com bicarbonato de sódio. Durante o período menstrual é necessário interromper o uso de pomadas e cremes antifúngicos ou substituir o tratamento por medicamentos orais. Além disso, o médico diz que quando se está em uso de cremes vaginais, deve-se evitar ter relações sexuais. Procure seu ginecologista ao perceber sintomas como corrimento, irritação, coceira, ardência ao urinar ou durante relações sexuais.
 

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Dr. Rogério Leão - Ginecologista e Obstetra do IPGO (Inst. Paulista de Ginecologia e Obstetrícia) e Médico Assistente na área de Ginecologia do Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher (CAISM/ UNICAMP)
CRM: 104.152

SL_Arroba_turbante_Semprejunta

Symantic Display

  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Tratamento candidíase: qual a diferença entre pomada vaginal, creme e gel?
    Tratamento candidíase: qual a diferença entre pomada vaginal, creme e gel?
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Vaginite e vaginose: qual a diferença entre os corrimentos vaginais
    Vaginite e vaginose: qual a diferença entre os corrimentos vaginais
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • PRIMEIRA VEZ
    PRIMEIRA VEZ
    Qual é a diferença entre camisinha masculina e feminina
    Qual é a diferença entre camisinha masculina e feminina
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Vaginite e vulvovaginite: entenda o que é cada uma dessas doenças vaginais
    Vaginite e vulvovaginite: entenda o que é cada uma dessas doenças vaginais
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Pílula do dia seguinte e anticoncepcional: qual é a diferença entre os métodos contraceptivos?
    Pílula do dia seguinte e anticoncepcional: qual é a diferença entre os métodos contraceptivos?
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • VOCÊ SABIA?
    VOCÊ SABIA?
    Qual a diferença entre vulva e vagina?
    Qual a diferença entre vulva e vagina?
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Qual é a diferença entre DIU e SIU? Entenda como funcionam os métodos contraceptivos
    Qual é a diferença entre DIU e SIU? Entenda como funcionam os métodos contraceptivos
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SEGREDINHOS DE...
    SEGREDINHOS DE...
    Qual a diferença entre protetor diário e absorvente?
    Qual a diferença entre protetor diário e absorvente?
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • Menstruação
    Menstruação
    Menstruação e escapes: qual é a diferença entre esses sangramentos?
    Menstruação e escapes: qual é a diferença entre esses sangramentos?
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • Menstruação
    Menstruação
    Qual a diferença entre cobertura suave e seca? Saiba como escolher a ideal para você!
    Qual a diferença entre cobertura suave e seca? Saiba como escolher a ideal para você!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • semprelivre_bottom1_dance_new

  • SE CUIDA!
    Lavar a calcinha no box é ruim? Confira dicas para cuidar de suas roupas íntimas!
    Você costuma lavar a calcinha no box e nem sabe se isso faz mal? Então é bom ficar de o..
  • SE CUIDA!
    Conheça 6 hábitos que podem causar corrimento vaginal e você nem sabia
    Você sabe o que causa corrimento vaginal? Alguns costumes da nossa rotina podem ser os pr..
  • SE CUIDA!
    Marcou consulta com o ginecologista? Listamos 6 coisas que você deve saber antes de ir!
    Uma coisa é certa: ir ao ginecologista pelo menos duas vezes ao ano é fundamental para a..
  • SE CUIDA!
    Você sabe qual é a diferença entre CAREFREE® TodoDia Flexi e CAREFREE® Proteção? Descubra e use os produtos da forma certa!
    Atualmente é comum passarmos o dia todo fora, mas do trabalho até a volta para casa muit..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • Menstruação
    Por onde sai a menstruação?
    Você sabe dizer por onde sai a menstruação? Muitas meninas passam a infância ouvindo a...
    Por onde sai a menstruação?
  • SE CUIDA!
    Corrimento aquoso: o que é? Veja como lidar com a umidade íntima
    O corrimento vaginal (como são popularmente chamadas as secreções vaginais da mulher) nem...
    Corrimento aquoso: o que é? Veja como lidar com a umidade íntima
  • SE CUIDA!
    Ovulação e sintomas: saiba quais são os sinais de que você está ovulando
    Os sintomas de ovulação mais comuns são aumento da libido, elevação da temperatura...
    Ovulação e sintomas: saiba quais são os sinais de que você está ovulando
  • SE CUIDA!
    Corrimento vermelho claro ou escuro: o que pode ser?
    O corrimento vermelho claro ou rosado indica a presença de sangue misturado à secreção...
    Corrimento vermelho claro ou escuro: o que pode ser?
  • VER TODAS >