Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

Toda coceira na vagina é um sintoma de candidíase?

Toda coceira na vagina é um sintoma de candidíase?

Coceira na vagina nem sempre é um sintoma de candidíase. O prurido vaginal é um sintoma comum a alergias, irritações e infecções vaginais, como a vaginose e a tricomoníase. Portanto, o incômodo pode ser causado pelo tecido da calcinha ou produtos químicos usados na lavagem que provocaram irritação ou alergia na pele da vulva, assim como fungos, bactérias ou protozoários também podem ser agentes causadores de infecções. Se a coceira for constante, deve-se procurar um médico para avaliação. O Só Delas conversou com o ginecologista Rogério Leão para saber que tipo de problema a coceira na vulva e na vagina pode representar.

 

Outras possíveis causas para coceira na vagina 

 

De acordo com o médico, a causa mais comum da coceira vaginal é a candidíase, uma infecção causada pela proliferação de fungos na flora vaginal, provocando corrimento branco e espesso, inflamação na mucosa vaginal e coceira. Porém, além da infecção fúngica, outros quadros infecciosos podem causar prurido. “Apesar de não tão frequente como a candidíase, há também a vaginose bacteriana, infecções por herpes, clamídia e outras bactérias”, diz Rogério Leão.



A vaginose bacteriana, como o próprio nome já diz, é uma infecção originada por uma bactéria e tem sintomas semelhantes aos da candidíase. O corrimento é esverdeado ou amarelo, tem odor forte, coceira na vulva e na vagina e sensação de ardor ao urinar. Já o herpes viral e a clamídia são infecções transmitidas pelo contato sexual com órgãos  genitais femininos ou masculinos contaminados. O vírus herpes gera lesões na mucosa da vagina, pênis ou ânus, além de coceira, formigamento, mal-estar e febre. Já a clamídia é uma infecção bacteriana que pode acometer os órgãos genitais, olhos e garganta. Ela também é transmitida por via sexual e pode ou não manifestar sintomas. Quando manifesta, a mulher pode apresentar corrimento amarelo, sangramento e dor durante ou depois das relações sexuais e ardor ao urinar. 

 

Causas para coceira na vulva, área externa da vagina 

 

Quando a coceira se manifesta principalmente na vulva, pode ser motivada por um processo alérgico. “Alergia ao sêmen, ao látex da camisinha, a sabonete e calcinha”, cita o médico. Se essa for a causa, recomenda-se trocar o preservativo por uma versão de poliuterano, que é mais fina e não provoca alergia ou irritação. Vale acrescentar que alguns produtos utilizados na lavagem de peças íntimas também pode despertar irritação na área íntima, assim como o tecido. Antes de finalizar, o ginecologista também fala uma doença chamada líquen, de causa desconhecida, na qual surgem manchas e pode haver prurido na região vulvar. 

 

10 dicas para evitar coceira na vagina


Dica 1) Dê preferência por calcinhas de algodão;

 

Dica 2) Utilize sabão neutro na lavagem das peças íntimas;

 

Dica 3) Evite usar biquíni ou maiô úmido por muito tempo;

 

Dica 4) Não compartilhe a mesma lâmina de remover pelos da região íntima com outras pessoas;

 

Dica 5) Procure usar sabonete íntimo para higienizar a vulva;

 

Dica 6) Não faça ducha vaginal. A higiene deve ser feita no banho somente na vulva;

 

Dica 7) Evite usar produtos perfumados na área íntima; 

 

Dica 8) Quando estiver menstruada, troque o absorvente com mais frequência;

 

Dica 9) Use camisinha em todas as relações sexuais;

 

Dica 10) Faça a higiene da vulva diariamente no banho. 


Este artigo tem a contribuição do especialista:
Dr. Rogério Leão - Ginecologista e Obstetra do IPGO (Inst. Paulista de Ginecologia e Obstetrícia) e Médico Assistente na área de Ginecologia do Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher (CAISM/ UNICAMP)
CRM: 104.152

SL_Arroba_turbante_Semprejunta

Symantic Display

  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Corrimento, coceira e mau odor: veja os principais sintomas de uma infecção vaginal
    Corrimento, coceira e mau odor: veja os principais sintomas de uma infecção vaginal
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Toda mulher tem odor vaginal? Será que eles indicam algum problema de saúde? Veja as respostas de uma ginecologista
    Toda mulher tem odor vaginal? Será que eles indicam algum problema de saúde? Veja as respostas de uma ginecologista
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Toda mulher tem umidade vaginal e é natural. Entenda!
    Toda mulher tem umidade vaginal e é natural. Entenda!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Coceira na vagina, corrimento e outros sintomas de infecção para ficar atenta
    Coceira na vagina, corrimento e outros sintomas de infecção para ficar atenta
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Coceira vaginal: o que esse sintoma quer dizer sobre a saúde da sua vagina?
    Coceira vaginal: o que esse sintoma quer dizer sobre a saúde da sua vagina?
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    A candidíase é a infecção vaginal mais comum no verão. Entenda suas causas e principais sintomas!
    A candidíase é a infecção vaginal mais comum no verão. Entenda suas causas e principais sintomas!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    3 tipos de corrimento vaginal: sintomas e tratamentos
    3 tipos de corrimento vaginal: sintomas e tratamentos
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    O sobrepeso pode aumentar os riscos de candidíase vaginal? Entenda!
    O sobrepeso pode aumentar os riscos de candidíase vaginal? Entenda!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Corrimento vaginal: é possível evitá-lo? Veja dicas de um profissional
    Corrimento vaginal: é possível evitá-lo? Veja dicas de um profissional
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Quais são as principais causas de uma infecção vulvovaginal? Conheça e previna-se!
    Quais são as principais causas de uma infecção vulvovaginal? Conheça e previna-se!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • semprelivre_bottom1_dance_new

  • PODEROSAS
    Viajada: 7 dicas para quem quer viajar sozinha nessas férias!
    A gente sabe que as mulheres estão cada vez mais independentes, inclusive na hora de viaj..
  • PODEROSAS
    Férias em casa: 5 dicas de livros de autoras fortes para curtir o tempo livre
    Em meio a tantos best-sellers com protagonistas homens, existe um universo de autoras mulh..
  • PODEROSAS
    10 segredos para você se sentir mais confiante sem mudar o visual
    Às vezes tudo o que a gente precisa para se achar mais confiante é inserir pequenos háb..
  • PODEROSAS
    Girl power! Listamos 9 filmes para assistir com mulheres empoderadas como protagonistas
    Uma das melhores formas de descontrair e buscar se empoderar é conhecendo e se inspirando..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • PRIMEIRA VEZ
    Primeira menstruação: 11 fatos importantes para te ajudar a se preparar para a menarca
    A primeira menstruação, chamada de menarca pela ciência, marca o início da vida...
    Primeira menstruação: 11 fatos importantes para te ajudar a se preparar para a menarca
  • Menstruação
    Absorvente Sempre Livre Adapt Plus proporciona conforto flexibilidade e discrição. Confira!
    Toda mulher merece um absorvente que a deixe confortável e segura sem precisar abrir mão...
    Absorvente Sempre Livre Adapt Plus proporciona conforto flexibilidade e discrição. Confira!
  • Menstruação
    O.B.® Médio ProComfort é a melhor opção para fluxo moderado: conheça os benefícios
    A maneira ideal de escolher o absorvente interno é saber identificar qual é a intensidade...
    O.B.® Médio ProComfort é a melhor opção para fluxo moderado: conheça os benefícios
  • Menstruação
    Cor da menstruação: vermelha, marrom ou preta pode mudar com o tempo?
    Você já deve ter percebido que a cor da menstruação muda ao longo do período menstrual. A...
    Cor da menstruação: vermelha, marrom ou preta pode mudar com o tempo?
  • VER TODAS >