Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

Sinto cólica menstrual muito forte: o que fazer?

Sinto cólica menstrual muito forte: o que fazer?

As cólicas menstruais são um sintoma comum da TPM (Tensão Pré-Menstrual) que, muitas vezes, se estende até o fim da menstruação. No entanto, ter cólica menstrual muito forte não é considerado normal e deve ser avaliado por um(a) médico(a). A cólica muito forte pode ser sinal de endometriose, miomas uterinos, entre diversos outros problemas de saúde. Portanto, ao notar a cólica muito forte na menstruação ou até mesmo fora do período menstrual, agende uma consulta com ginecologista.

 

Veja também: Cólicas fortes: causas, como aliviar e o que fazer para tratar

 

Em entrevista ao Só Delas, a ginecologista Carolina Ambrogini ensina a identificar a cólica menstrual forte. “É muito difícil caracterizar uma dor forte porque isso é individual. A mesma dor para mim pode ser muito mais forte do que para você, então, é bem controverso. Mas, a gente considera uma dor forte uma dor que é incapacitante. A pessoa não consegue fazer nada naquele momento em que ela está sentindo aquela dor. Isso a gente chama de dor forte”, explica a médica. 

 

Veja a seguir o que fazer, como saber se cólica muito forte é normal e quais são as justificativas mais frequentes para o sintoma. 

 

Cólica muito forte é normal?

 

Embora a cólica menstrual seja um processo natural do ciclo da mulher, nenhuma dor forte é considerada normal, principalmente quando compromete as atividades da rotina e impede a mulher de levantar da cama para estudar, trabalhar ou sair. Nessas circunstâncias, deve-se procurar um ginecologista para relatar os sintomas e fazer uma avaliação. Em seguida, o médico pode solicitar alguns exames para investigar o que está acontecendo e chegar ao diagnóstico correto para começar o tratamento. 

 

“Não é uma investigação simples. Às vezes, a menina precisa fazer exames mais complexos, como ressonância magnética e ultrassom com preparo intestinal. Mas pode ser que não seja nada, que seja só uma característica daquela pessoa mesmo”, afirma Dra. Carolina Ambrogini.  

 

Cólica menstrual forte: o que pode ser? 

 

Entre as causas patológicas mais comuns para a cólica muito forte menstrual, a endometriose é a principal suspeita.  Essa doença é caracterizada pelo crescimento excessivo do tecido uterino fora do útero, o que pode gerar dor durante a menstruação e fora do período menstrual e sangramento em excesso. 

 

“Outra situação que pode dar uma cólica forte são os miomas uterinos e adenomiose, que é quando o endométrio [camada que reveste o interior do útero] penetra um pouco no músculo do útero e isso pode dar cólica muito forte. Até pólipos dentro do útero podem dar essa condição”, acrescenta. 

 

Os miomas uterinos são tumores benignos localizados no músculo do útero. Já o pólipo uterino ou endometrial representa um crescimento anormal das células da camada intrauterina (endométrio). 

 

Vale lembrar que a cólica menstrual associada a problemas de saúde recebe o nome de dismenorreia secundária. Segundo a ginecologista, não é difícil identificar o sintoma: “a pessoa não tinha tanta cólica e aí passa a ter uma cólica mais forte [diferente do habitual]”. Já a dismenorreia primária “é aquela que sempre aconteceu”, explica. 

 

Cólica menstrual forte: como aliviar?

 

Uma vez constatada a cólica muito forte, o que fazer? Bom, a resposta vai depender do que está causando o incômodo. Se tratando da dismenorreia primária (uma cólica comum), o tratamento é mais simples. “A primeira linha de tratamento para a cólica menstrual é o uso de anti-inflamatórios nos primeiros dias da menstruação até um pouco antes dela começar. A segunda linha é o uso de pílula anticoncepcional, porque ela diminui a proliferação do endométrio e isso faz com que haja uma diminuição da cólica menstrual também”, diz a ginecologista. 

 

“Se é uma cólica muito forte, às vezes, a mulher precisa emendar o anticoncepcional para não menstruar ou, de repente, colocar um outro método, como um implante hormonal ou um DIU hormonal que impeçam a pessoa de menstruar”, ressalta. No caso da dismenorréia secundária, ou seja, da cólica menstrual relacionada à doenças no sistema reprodutor feminino, existem diversas abordagens possíveis. “Se é uma endometriose, vai depender de cada caso. É preciso averiguar o grau da endometriose para indicar uma cirurgia ou não”, diz a doutora Carolina. Em casos mais simples, o transtorno pode ser tratado por meio de medicamentos hormonais. 

 

Ao sentir cólica menstrual forte, procure ajuda de um ginecologista o quanto antes para investigar o que está acontecendo para tratar precocemente. 

 

Esta publicação teve a contribuição do especialista:

Dra. Carolina Ambrogini - Ginecologista 

CRM: 102706-SP

semprelivre_bottom1_dance_new

  • SE CUIDA!
    Lavar a calcinha no box é ruim? Confira dicas para cuidar de suas roupas íntimas!
    Você costuma lavar a calcinha no box e nem sabe se isso faz mal? Então é bom ficar de o..
  • SE CUIDA!
    Conheça 6 hábitos que podem causar corrimento vaginal e você nem sabia
    Você sabe o que causa corrimento vaginal? Alguns costumes da nossa rotina podem ser os pr..
  • SE CUIDA!
    Marcou consulta com o ginecologista? Listamos 6 coisas que você deve saber antes de ir!
    Uma coisa é certa: ir ao ginecologista pelo menos duas vezes ao ano é fundamental para a..
  • SE CUIDA!
    Você sabe qual é a diferença entre CAREFREE® TodoDia Flexi e CAREFREE® Proteção? Descubra e use os produtos da forma certa!
    Atualmente é comum passarmos o dia todo fora, mas do trabalho até a volta para casa muit..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • Quiz
    Você sabe qual a diferença do período fértil e ovulação? Teste seus conhecimentos
    A ovulação e o período fértil são duas fases do ciclo menstrual em que a mulher tem mais...
    Você sabe qual a diferença do período fértil e ovulação?  Teste seus conhecimentos
  • Menstruação
    Menstruação preta: veja por que a menstruação escurece
    Na maioria das vezes, a menstruação preta é normal e não representa problemas de saúde....
    Menstruação preta: veja por que a menstruação escurece
  • Menstruação
    Quantos dias depois de acabar o anticoncepcional desce a menstruação? tire 4 dúvidas sobre anticoncepcional hormonal
    Muitas mulheres ficam em dúvida sobre quantos dias depois de acabar o anticoncepcional...
    Quantos dias depois de acabar o anticoncepcional desce a menstruação? tire 4 dúvidas sobre anticoncepcional hormonal
  • SE CUIDA!
    Primeira consulta com ginecologista: pode ser online?
    A primeira consulta com o ginecologista é um momento muito importante para esclarecer...
    Primeira consulta com ginecologista: pode ser online?
  • VER TODAS >