Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

Sangramento fora do período menstrual com odor: o que pode ser?

Sangramento fora do período menstrual com odor: o que pode ser?

Sangramento fora do período menstrual com odor é um forte indício de irregularidade na região íntima. Por isso, o quadro deve sempre ser visto como um sinal de alerta e motivo para uma consulta com um(a) ginecologista. A presença de secreção ou sangramento com mau cheiro costuma estar relacionada à infecções vaginais provocadas por fungos ou bactérias ou alguma Infecção Sexualmente Transmissível (IST). Em alguns casos, a situação também pode ser um sinal de inflamação no colo do útero, principalmente quando ocorre após relação sexual.

 

O sangramento fora do período menstrual com mau cheiro também pode vir acompanhado de outros sintomas como coceira vaginal e ardência durante o sexo ou ao urinar. Não deixe de procurar um médico mesmo que você só tenha notado a alteração uma única vez. Confira possíveis causas para o sangramento fora do período menstrual e odor e como tratar o problema. 

 

Sangramento fora do período menstrual com odor pode ser um sinal de IST

 

Ter sangramento fora do período menstrual com mau cheiro, normalmente, está associado a Infecções Sexualmente Transmissíveis. As mais comuns são a gonorreia e clamídia, duas infecções que, além de provocarem fluxo com cheiro desagradável, também manifestam outros sintomas. São eles: corrimento amarelado, dor ao urinar, odor na região íntima, sensação de pressão na região pélvica e sangramento durante a após as relações sexuais. A gonorreia ainda pode causar coceira vaginal. 

 

Portanto, fique atenta a qualquer sinal de sangramento com odor e aos sintomas associados. Saiba mais sobre a gonorreia e a clamídia abaixo.  

 

Gonorreia: a gonorreia é uma IST provocada pela bactéria Neisseria gonorrhoeae e acomete tanto homens como mulheres. Seus principais sintomas são corrimento vaginal amarelado e com mau cheiro, dor e ardência ao urinar, sangramento fora do período menstrual e após o sexo e dores abdominais e pélvica. O tratamento da gonorreia é feito com o uso de antibióticos. 

 

Clamídia: provocada pela bactéria Chlamydia trachomatis e também infecta homens e mulheres. A infecção é transmitida por meio do sexo (vaginal, anal ou oral) sem camisinha e tem como sintoma, além do corrimento com sangue e odor, dor ao urinar e sensação de queimação, incômodo durante as relações sexuais e dor no baixo ventre. Seu tratamento é feito com antibióticos. 

 

A melhor forma de evitar infecções transmitidas via sexual é utilizar a camisinha (feminina ou masculina) em todas as relações sexuais. 

 

Infecções vaginais e inflamações no colo do útero podem provocar sangramentos com odor

 

Infecções vaginais não costumam provocar sangramento vaginal. No entanto, em alguns casos, dependendo do grau, a enfermidade pode causar a saída de corrimento com sangue e com mau cheiro. É o caso da vaginose bacteriana, uma infecção ocasionada por bactérias que levam a um desequilíbrio na flora vaginal. 

 

O sangramento com cheiro desagradável da vaginose é mais comum durante a menstruação, pois é nesta época que a ação das bactérias aumenta. Entretanto, quando a infecção está em grau elevado, ela pode acabar provocando vulvovaginite, uma inflamação simultânea na vulva e na vagina que pode causar leve sangramentos. Ao se misturar com a secreção vaginal infectada, dá origem a um corrimento com sangue e cheiro fétido, mesmo quando a pessoa não está menstruada. 

 

Por fim, a presença de lesões no colo do útero podem ocasionar pequenos sangramentos que dão origem a corrimento marrom com sangue. Em alguns casos, o fluxo possui cheiro desagradavel devido a inflamação. O quadro também costuma causar sangramento após a relação sexual e dores na região pélvica. 

 

Sangramento fora do período menstrual e odor: como tratar?

 

Qualquer tipo de sangramento fora do período menstrual deve ser investigado, independente se for acompanhado de mau cheiro ou não. O primeiro passo é buscar orientação médica o mais rápido possível para a realização de exames de diagnóstico. O ginecologista pode solicitar um teste papanicolau/preventivo, a fim de colher uma amostra do fluxo e das células da região íntima e encaminhar para análise. Uma vez que o resultado for confirmado, o tratamento será direcionado a causa do problema. 

 

  • Infecções vaginais e IST são tratadas com uso de antibióticos, que podem ser indicados via oral ou local. É importante que além da mulher também sejam incluídos no tratamento seus parceiros, pois há grande chance de que eles estejam infectados. 

 

  • Lesões e inflamações no colo do útero são tratadas com medicamentos ou pomadas ginecológicas que buscam cicatrizar a enfermidade. 

 

Não deixe de consultar um ginecologista a qualquer sinal de sangramento fora do período menstrual com odor.

semprelivre_bottom1_dance_new

  • Intimidade feminina
    Hímen complacente: "como saber se tenho e se ele roupeu ou não durante o sexo?"
    O hímen complacente tem como principal característica ser mais elástico e não romper c..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • Quiz
    Você conhece as principais ISTs? Faça o teste e descubra!
    As ISTs são um grupo de infecções que têm como principal via de transmissão o sexo. Elas...
    Você conhece as principais ISTs? Faça o teste e descubra!
  • Quiz
    Você conhece as principais ISTs? Faça o teste e descubra!
    As ISTs são um grupo de infecções que têm como principal via de transmissão o sexo. Elas...
    Você conhece as principais ISTs? Faça o teste e descubra!
  • Menstruação
    Sinto cólicas mas minha menstruação não desce. É normal?
    A cólica é um sintoma que normalmente é associado à chegada da menstruação. No entanto,...
    Sinto cólicas mas minha menstruação não desce. É normal?
  • Menstruação
    Sinto cólicas mas minha menstruação não desce. É normal?
    A cólica é um sintoma que normalmente é associado à chegada da menstruação. No entanto,...
    Sinto cólicas mas minha menstruação não desce. É normal?
  • VER TODAS >