Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

Pílula do dia seguinte: veja como tomar corretamente e os possíveis efeitos colaterais

Pílula do dia seguinte: veja como tomar corretamente e os possíveis efeitos colaterais

O que é a pílula do dia seguinte? Para quem ainda não entende direito sua função, vamos explicar. A pílula do dia seguinte é um método anticoncepcional utilizado em casos de emergência como, por exemplo, após uma relação sexual desprotegida, para evitar a gravidez. No entanto, para usar esse recurso é preciso ter conhecimento sobre o medicamento e estar ciente dos possíveis efeitos colaterais. A pílula do dia seguinte não é um método recomendado pelos ginecologistas para uso frequente e não substitui a pílula anticoncepcional de 21 ou 28 dias ou contínua. Consultamos a profissional Mariana Conforto para saber qual é a forma correta de usá-la.


Pílula do dia seguinte: como funciona?


Lembrar de tomar a pílula alguns dias depois da relação sexual porque ficou com uma pulguinha atrás da orelha não vai adiantar. De acordo com a ginecologista, a pílula do dia seguinte deve ser utilizada o mais rápido possível após a relação desprotegida. “Ela perde a eficácia gradativamente se for utilizada muitas horas depois da relação”, diz. O recomendado é ingerir a pílula até 72 horas após a transa sem camisinha. Portanto, ao ter uma relação desprotegida é muito importante não deixar para muitas horas depois do ato para maximizar o efeito. “Se for utilizada em até 24h após a relação sexual tem eficácia de até 95%”, acrescenta Mariana.

 

A pílula do dia seguinte e seus possíveis efeitos colaterais

 

A pílula do dia seguinte, assim como o anticoncepcional, pode apresentar alguns efeitos colaterais. “Náuseas e vômitos, fadiga, tontura, sangramentos anormais, cólicas entre outros”, diz a médica. Pode acontecer da mulher também não sentir nenhum deles, contudo, é possível que os desconfortos sumam rapidamente. Vale lembrar que a pílula do dia seguinte não é indicada para quem já utiliza algum método contraceptivo hormonal, pois a soma dessas doses hormonais trazem prejuízos para a saúde da mulher.

 

A pílula do dia seguinte deve ser usada com cautela

 

De acordo com a ginecologista, não é recomendado o uso frequente desse método de emergência. Além de ser uma ingestão de hormônios em uma quantidade muito elevada, aumentando a chance de potencializar os efeitos colaterais, ela pode desregular o ciclo da mulher: “O ciclo pode ficar irregular e perdermos o parâmetro de como está o ciclo e a avaliação dos sangramentos, se são considerados normais e/ou esperados”, esclarece a profissional. Por isso, mais uma vez lembramos que ela não é um método recomendado para qualquer situação, apenas em casos emergenciais. A principal forma de prevenir uma gravidez é fazendo uso correto de pílulas anticoncepcionais e/ou uso de camisinha, que também previne doenças sexualmente transmissíveis (DST).
 

Este artigo tem a contribuição do especialista:

Dra. Mariana Conforto - Ginecologista e obstetra da Perinatal
CRM: 5296454-9

 

Bottom_OB_celebration

tag_sempre_banner tag_sempre_banner_mob

semprelivre_bottom1_dance_new

  • SE CUIDA!
    Lavar a calcinha no box é ruim? Confira dicas para cuidar de suas roupas íntimas!
    Você costuma lavar a calcinha no box e nem sabe se isso faz mal? Então é bom ficar de o..
  • SE CUIDA!
    Conheça 6 hábitos que podem causar corrimento vaginal e você nem sabia
    Você sabe o que causa corrimento vaginal? Alguns costumes da nossa rotina podem ser os pr..
  • SE CUIDA!
    Marcou consulta com o ginecologista? Listamos 6 coisas que você deve saber antes de ir!
    Uma coisa é certa: ir ao ginecologista pelo menos duas vezes ao ano é fundamental para a..
  • SE CUIDA!
    Você sabe qual é a diferença entre CAREFREE® TodoDia Flexi e CAREFREE® Proteção? Descubra e use os produtos da forma certa!
    Atualmente é comum passarmos o dia todo fora, mas do trabalho até a volta para casa muit..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • Quiz
    Você conhece as principais ISTs? Faça o teste e descubra!
    As ISTs são um grupo de infecções que têm como principal via de transmissão o sexo. Elas...
    Você conhece as principais ISTs? Faça o teste e descubra!
  • Quiz
    Você conhece as principais ISTs? Faça o teste e descubra!
    As ISTs são um grupo de infecções que têm como principal via de transmissão o sexo. Elas...
    Você conhece as principais ISTs? Faça o teste e descubra!
  • Menstruação
    Sinto cólicas mas minha menstruação não desce. É normal?
    A cólica é um sintoma que normalmente é associado à chegada da menstruação. No entanto,...
    Sinto cólicas mas minha menstruação não desce. É normal?
  • Menstruação
    Sinto cólicas mas minha menstruação não desce. É normal?
    A cólica é um sintoma que normalmente é associado à chegada da menstruação. No entanto,...
    Sinto cólicas mas minha menstruação não desce. É normal?
  • VER TODAS >