Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

O que é incontinência urinária e por que mulheres estão mais propícias a ter?

O que é incontinência urinária e por que mulheres estão mais propícias a ter?

A incontinência urinária é um problema muito comum que pode ser causada por hábitos cotidianos, infecções, prisão de ventre ou condições físicas, como a obesidade. Pequenos vazamentos ou perda de controle total da bexiga são os principais sintomas e podem ser tratados com cirurgia, fisioterapia ou medicamentos, dependendo de cada diagnóstico. Se você perceber que esse quadro tem se repetido, procure um médico para te avaliar, tá? Saiba mais sobre aqui no Só Delas!

 

2) Quais são as causas da incontinência urinária?
 

A eliminação do nosso xixi é controlado por um sistema nervoso, mas ela pode ser comprometida por diversos fatores, como:

 

  • Gravidez;

  • Menopausa;

  • Tosses crônicas;

  • Doenças que comprimem a bexiga;

  • Obesidade.

 

3) Existem tipos diferentes de incontinência?
 

Segundo o ginecologista Gustavo de Paula Pereira, há três tipos de incontinência urinária. São as destacadas abaixo:

 

- Incontinência Urinária de Esforço: é a perda urinária que ocorre em momentos de algum esforço físico, com aumento da pressão intra-abdominal (por ex.: em espirros, tosse ou exercício). É o tipo de incontinência mais comum;

 

- Incontinência Urinária de Urgência: é a perda involuntária de urina acompanhada ou imediatamente precedida por urgência, ou seja, é aquela perda de urina que não se relaciona a um esforço e que se acompanha por um desejo irresistível e súbito de urinar, cujo controle é difícil;

 

- Incontinência Mista: como o próprio nome diz, a pessoa tem sintomas de incontinência urinária de esforço e urgência.

 

4) Por que mulheres estão mais propícias a ter incontinência?
 

Segundo médicos, as mulheres têm três vezes mais chances de ter incontinência urinária, principalmente por conta do esforço causado pela gestação e, mais tarde, pela queda do estrogênio após a menopausa. Entre outras causas, também temos a questão física. “Os músculos que sustentam os órgãos pélvicos e o esfíncter urinário são mais frágeis nas mulheres”, explica o médico. Além disso, fatores como obesidade e tosse crônica podem levar a essa condição.

 

5) Qual é o tratamento adequado da incontinência urinária?
 

De acordo com o ginecologista, o tratamento da incontinência urinária pode ser clínico ou cirúrgico, o que vai definir é o diagnóstico correto. “É importante que a paciente seja avaliada por um ginecologista ou urologista para que ele determine o tipo da incontinência urinária que ela tem”, destaca o médico. Entre as opções de melhora sem recorrer à cirurgia, temos:

 

- Comportamentais: beber menos água, principalmente antes de dormir, reduzir o consumo de café e refrigerantes; e treinamento vesical, que são estratégias de controle com micções programadas;

 

- Fisioterapia: exercícios para fortalecer a musculatura da pelve, eletroestimulação e cones vaginais são algumas das técnicas usadas na fisioterapia, de acordo com o ginecologista;

 

- Medicamentos: segundo o médico, alguns medicamentos podem ser eficazes no tratamento dos diversos tipos de incontinência, mas, só devemos usá-los com indicação de um profissional.

 

Dr. Gustavo de Paula Pereira - Ginecologista
CRM: 
119970 - SP

bottom1_batom_Carefree

tag_sempre_banner tag_sempre_banner_mob

semprelivre_bottom1_dance_new

  • PRIMEIRA VEZ
    Medo de ir ao ginecologista? Não precisa! Saiba o que esperar de uma primeira consulta
    A primeira ida ao ginecologista gera um certo receio em muitas garotas, mas não há motiv..
  • PRIMEIRA VEZ
    1º dia de aula na faculdade: a blogueira Natalia Salvador contou como encarou o medo e deu dicas de como lidar com essa mudança
    Uma das maiores mudanças do início da nossa vida adulta é a entrada para a universidade..
  • PRIMEIRA VEZ
    5 coisas que ninguém te contou sobre sua primeira menstruação
    A primeira menstruação acontece de forma inesperada, já que, na maioria das vezes a gen..
  • PRIMEIRA VEZ
    Intercâmbio: blogueira Paola Piola conta sobre a 1ª vez que lidou com a independência em outro país
    Fazer intercâmbio é o sonho de muitas adolescentes, principalmente depois dos 18 anos, q..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • Saúde da mulher
    SOP: sintomas e tratamentos da síndrome que atinge as mulheres
    A Síndrome do Ovário Policístico é uma disfunção hormonal que leva ao crescimento de...
    SOP: sintomas e tratamentos da síndrome que atinge as mulheres
  • SE CUIDA!
    5 tipos de depilação feminina: prós e contras de cada método
    A depilação íntima faz parte da vida de muitas mulheres. Para isso, é possível encontrar...
    5 tipos de depilação feminina: prós e contras de cada método
  • SE CUIDA!
    Corrimento ou lubrificação feminina? Saiba diferenciar as secreções vaginais
    Muitas pessoas ficam em dúvida sobre qual a diferença entre corrimento e secreção vaginal...
    Corrimento ou lubrificação feminina? Saiba diferenciar as secreções vaginais
  • SE CUIDA!
    Tabelinha: por que o método é falho e outras opções de anticoncepcionais com mais eficácia
    A tabelinha é um método contraceptivo natural baseado na análise do ciclo menstrual....
    Tabelinha: por que o método é falho e outras opções de anticoncepcionais com mais eficácia
  • VER TODAS >