Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

O que é a candidíase e como evitá-la: aprenda os cuidados fundamentais com sua vagina

O que é a candidíase e como evitá-la: aprenda os cuidados fundamentais com sua vagina

A candidíase vaginal é uma das infecções vaginais mais comuns entre as mulheres. Ela ocorre devido a um desequilíbrio na flora vaginal causado pela proliferação do fungo Candida. Essa alteração no ambiente natural da vagina costuma estar associada a hábitos de higiene inadequados e quadros de baixa imunidade. Os principais sintomas de candidíase são corrimento espesso e esbranquiçado, que pode vir acompanhado de mau cheiro, coceira vaginal e irritação na vulva. Se você perceber algum desses sinais, não deixe de consultar um ginecologista! Depois de te examinar, ele vai passar um exame para diagnosticar o problema e recomendar o tratamento mais adequado. O Só Delas conversou com a ginecologista Bárbara Murayama para saber mais sobre o que é candidíase e como tratar a infecção vaginal da maneira correta.

 

O que é candidíase? 
 

Doutora Bárbara Murayama explica que a candidíase causada pelo fungo Candida Albicans, que já existe naturalmente na vagina. Entretanto, quando ocorre algum desequilíbrio na flora vaginal, a população do fungo Candida aumenta e enfraquece os lactobacilos, microorganismos responsáveis pela proteção da região íntima. As principais causas de candidíase são deficiência imunológica e higiene inadequada, mas segundo a ginecologista, outros fatores também podem desencadear a infecção.  “ Uso de anticoncepcionais, gravidez, antibióticos e medicações à base de corticóide podem facilitar a proliferação desses fungos”, explica a médica, afirmando que ter relações sexuais sem preservativo também facilita o desenvolvimento da candidíase, mesmo a infecção não sendo considerada uma DST (Doença Sexualmente Transmissível)

 

Corrimento branco é principal sintoma de candidíase

 

O sintoma mais característico da candidíase é o corrimento branco grosso ou com com consistência granulada, semelhante ao aspecto de leite coalhado, que pode apresentar mau cheiro. Outros sintoma comuns da candidíase são a coceira vaginal, vermelhidão na vulva, ardor e dor ao urinar ou durante a relação sexual. Por fim, em alguns casos, é possível que notar pequenas fissuras e feridas na pele e na mucosa da região íntima provocadas por irritação ou alergias. 

 

Cuidados com a higiene íntima são a principal forma de evitar a candidíase
 

A higiene inadequada é uma das principais responsáveis pelos casos de candidíase genital nas mulheres. A médica também chama atenção para o hábito de manter a região íntima abafada e úmida por muito tempo, pois esse é o ambiente ideal para a proliferação de fungos e bactérias que favorecem o aparecimento de infecções vaginais: “É importante que nos dias quentes as mulheres prefiram roupas mais largas e frescas e calcinhas de algodão para deixar a região arejada”. Por isso, aquele hábito de ficar o dia todo de biquíni ou maiô no pós-praia também deve ser esquecido. “Ficar de roupa molhada por longos períodos é o ambiente perfeito para criar fungos”, alerta a especialista.  

 

Tratamento da candidíase é feito com uso de medicação antifúngica oral ou tópica

 

O tratamento da candidíase vaginal é mais simples do que você imagina. “É feito com medicações antifúngicas, que podem ser via oral ou vaginal. Isso vai depender do quadro clínico de cada paciente”, explicou a ginecologista. Os remédios costumam ser receitados pelo período de 7 dias (uma semana) e logo nos primeiros dias já é possível perceber uma melhora nos sintomas. È fundamental que durante o tratamento, a paciente evite ter relações sexuais sem proteção e não faça uso de bebidas alcoólicas. Depois disso, basta seguir as orientações  do médico sobre higiene íntima e outros hábitos que podem manter a mulher protegida e com a saúde vaginal em dia. Veja alguns hábitos que podem te ajudar a prevenir a candidíase:

 

Dica 1: Usar roupas mais frescas, como saias e vestidos que permitem maior ventilação; 

Dica 2: Usar camisinha em todas as relações sexuais; 

Dica 3: Evitar usar biquínis ou maiôs molhados por muito tempo;

Dica 4: Respeitar o tempo máximo de uso do absorvente quando estiver menstruada;

Dica 5: Manter uma boa alimentação e reduzir o consumo de doces;

Dica 6: Não compartilhar peças de uso íntimo;

Dica 7: Não usar lenços umedecidos e papel higiênico com aromatizante, 

Dica 8: Ir ao ginecologista regularmente;

Dica 9: Não fazer uso de duchas vaginais e chuveirinho durante o banho; 

Dica 10: Fazer a higiene íntima apenas na região externa (vulva, grandes e pequenos lábios e ânus) com água e sabonete íntimo com pH neutro. 


Dra. Bárbara Murayama - Ginecologista
CRM: 112527

* Matéria atualizada em 30 de abril de 2020

Carefree_Lingerie_327_520

Symantic Display

  • SEGREDINHOS DE...
    SEGREDINHOS DE...
    Cuidados antes da depilação: saiba como preparar sua pele e evitar pelos encravados e queimaduras
    Cuidados antes da depilação: saiba como preparar sua pele e evitar pelos encravados e queimaduras
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Infecção vaginal: o que é, tipos e como tratar as doenças
    Infecção vaginal: o que é, tipos e como tratar as doenças
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    5 cuidados que você deve ter com a sua saúde íntima na praia
    5 cuidados que você deve ter com a sua saúde íntima na praia
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Saiba como fazer o autoexame nos seios e por que ele é importante para a sua saúde
    Saiba como fazer o autoexame nos seios e por que ele é importante para a sua saúde
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Candidíase vaginal: o que causa, sintomas e como tratar
    Candidíase vaginal: o que causa, sintomas e como tratar
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Saiba como os pelos da vulva ajudam na saúde da sua vagina
    Saiba como os pelos da vulva ajudam na saúde da sua vagina
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SEGREDINHOS DE...
    SEGREDINHOS DE...
    "Lábio manchado" foi destaque na maquiagem das passarelas e agora é sua vez de apostar nessa tendência. Veja como fazer!
    "Lábio manchado" foi destaque na maquiagem das passarelas e agora é sua vez de apostar nessa tendência. Veja como fazer!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SEGREDINHOS DE...
    SEGREDINHOS DE...
    Como aproveitar a Black Friday para reforçar sua rotina de higiene e cuidados
    Como aproveitar a Black Friday para reforçar sua rotina de higiene e cuidados
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    pH vaginal: Entenda o que é e como ele protege sua saúde íntima
    pH vaginal: Entenda o que é e como ele protege sua saúde íntima
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    3 cuidados que você precisa ter com a sua calcinha
    3 cuidados que você precisa ter com a sua calcinha
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • bottom1_batom_Carefree

    tag_sempre_banner tag_sempre_banner_mob

    semprelivre_bottom1_dance_new

  • A MÚSICA ME MOVE
    Sem tempo de ir à academia? Veja 5 canais no Youtube para dançar e queimar calorias em casa
    Trabalhar, se divertir, dormir direito e ainda se preocupar com a saúde… Ufa! Taí uma ..
  • A MÚSICA ME MOVE
    12 músicas para animar sua viagem de férias na praia com amigos
    Com o verão rolando, nada melhor do que viajar com os amigos e curtir uns dias na praia. ..
  • A MÚSICA ME MOVE
    Conheça Kiana Léde, a menina que está bombando no Youtube com versões acústicas de hits!
    Já ouviu algum cover de Kiana Ledé? Não? Então fica a dica: procura o canal dela no Yo..
  • A MÚSICA ME MOVE
    Ouvir música, dançar, ler: 5 coisas que você pode fazer para esquecer a TPM!
    A gente já falou por aqui que a TPM é supernormal e toda mulher tem, pelo menos, algum s..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • SE CUIDA!
    10 motivos para usar preservativo feminino
    Você já conhece ou usa a camisinha feminina? Ao contrário da camisinha masculina, que é...
    10 motivos para usar preservativo feminino
  • Higiene íntima
    Higiene íntima no banho: o jeito certo de lavar a vulva e outras regiões femininas
    A higiene íntima feminina da vulva deve ser feita entre uma a duas vezes por dia. É...
    Higiene íntima no banho: o jeito certo de lavar a vulva e outras regiões femininas
  • SE CUIDA!
    Injeção de 3 meses engorda? Saiba tudo sobre o método contraceptivo
    Existem dois tipos de anticoncepcional injetável: a injeção mensal, composta por uma...
    Injeção de 3 meses engorda? Saiba tudo sobre o método contraceptivo
  • SE CUIDA!
    Tive sangramento durante a relação sexual: o que pode ser?
    O sangramento durante a relação sexual ou o sangramento após relação sexual é considerado...
    Tive sangramento durante a relação sexual: o que pode ser?
  • VER TODAS >