Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

Miomas uterinos: o que são, quais seus sintomas e como diagnosticá-los?

Miomas uterinos: o que são, quais seus sintomas e como diagnosticá-los?

Miomas no útero são tumores benignos, os mais comuns que acometem as mulheres especialmente na fase reprodutiva da vida, porque são dependentes de hormônios femininos e nascem no músculo do útero ou parede uterina. De acordo com ginecologistas, não se conhece exatamente a causa dos miomas. Portanto, pode haver tanto o fator genético quanto fatores imunológicos e hormonais. O Só Delas conversou com a ginecologista Bárbara Murayama para entender quais são os sintomas da presença de miomas no útero e como é possível diagnosticar e tratar o problema.

 

Existe mais de um tipo de mioma uterino

 

Os miomas podem ser únicos ou múltiplos, por isso, são classificados pelos médicos de acordo com sua localização: “Os submucosos são os que crescem para dentro da cavidade do útero, a casinha do bebê para quem quer engravidar. Já os intramurais, que ficam na parede do útero, e os subserosos crescem para a camada mais externa, o revestimento do útero”, esclarece a ginecologista.  

 

Sangramento menstrual aumentado é o principal sintoma de mioma

 

Miomas no útero nem sempre apresentam sintomas iniciais. No entanto, depois de um certo tempo é possível perceber o sangramento menstrual aumentado e até hemorragias, além de cólicas menstruais mais fortes do que o normal. “Isso normalmente é causado  pelos submucosos e alguns intramurais, além de também poderem causar dores e compressão de órgãos, como bexiga e intestino, a depender da localização e tamanho”, explica a médica. Se estiverem dentro do útero, submucosos podem também ser a causa de infertilidade.

 

Como o diagnóstico é confirmado através do ultrassom

 

De acordo com a médica, o diagnóstico dos miomas uterinos geralmente se dá pelas queixas de sangramento e dor que levam a um exame de ultrassom ou são descobertos em ultrassom de rotina em mulheres assintomáticas. “A depender do caso, além do ultrassom transvaginal simples, podemos precisar de uma ressonância magnética de pelve também”, acrescenta Bárbara.

 

O tratamento de miomas depende do tipo e tamanho do tumor

 

O tratamento adequado vai depender do tipo, tamanho e sintomas do mioma uterino. “Se a mulher é assintomática ou tem miomas pequenos pode não ser necessário tratamento, apenas acompanhamento”, diz a médica. Já os miomas crescidos dentro do útero, segundo Bárbara, necessitam ser retirados por histeroscopia (procedimento realizado na cavidade uterina através da endoscopia). Podemos realizar miomectomia também por via aberta, laparoscópica ou robótica. Para a ginecologista, não há medicamentos que façam os miomas sumirem, no entanto, podemos usar medicamentos hormonais e não-hormonais para controlar os sintomas de dor e sangramento.

 

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Dra. Bárbara Murayama - Ginecologista
CRM: 112527

semprelivre_bottom1_dance_new

  • SE CUIDA!
    Lavar a calcinha no box é ruim? Confira dicas para cuidar de suas roupas íntimas!
    Você costuma lavar a calcinha no box e nem sabe se isso faz mal? Então é bom ficar de o..
  • SE CUIDA!
    Conheça 6 hábitos que podem causar corrimento vaginal e você nem sabia
    Você sabe o que causa corrimento vaginal? Alguns costumes da nossa rotina podem ser os pr..
  • SE CUIDA!
    Marcou consulta com o ginecologista? Listamos 6 coisas que você deve saber antes de ir!
    Uma coisa é certa: ir ao ginecologista pelo menos duas vezes ao ano é fundamental para a..
  • SE CUIDA!
    Você sabe qual é a diferença entre CAREFREE® TodoDia Flexi e CAREFREE® Proteção? Descubra e use os produtos da forma certa!
    Atualmente é comum passarmos o dia todo fora, mas do trabalho até a volta para casa muit..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • Saúde da mulher
    SOP: sintomas e tratamentos da síndrome que atinge as mulheres
    A Síndrome do Ovário Policístico é uma disfunção hormonal que leva ao crescimento de...
    SOP: sintomas e tratamentos da síndrome que atinge as mulheres
  • SE CUIDA!
    5 tipos de depilação feminina: prós e contras de cada método
    A depilação íntima faz parte da vida de muitas mulheres. Para isso, é possível encontrar...
    5 tipos de depilação feminina: prós e contras de cada método
  • SE CUIDA!
    Corrimento ou lubrificação feminina? Saiba diferenciar as secreções vaginais
    Muitas pessoas ficam em dúvida sobre qual a diferença entre corrimento e secreção vaginal...
    Corrimento ou lubrificação feminina? Saiba diferenciar as secreções vaginais
  • SE CUIDA!
    Tabelinha: por que o método é falho e outras opções de anticoncepcionais com mais eficácia
    A tabelinha é um método contraceptivo natural baseado na análise do ciclo menstrual....
    Tabelinha: por que o método é falho e outras opções de anticoncepcionais com mais eficácia
  • VER TODAS >