Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

Menstruação prolongada: como parar?

Menstruação prolongada: como parar?

A menstruação é considerada prolongada quando dura mais de 8 dias. O episódio pode estar associada à alterações hormonais ou condições relacionadas com os órgãos do sistema reprodutor feminino. Por isso, qualquer sangramento menstrual que ultrapasse uma semana de duração deve ser avaliado por um ginecologista. Esse é o caminho para descobrir a causa e iniciar o tratamento adequado para cessar o sangramento.

 

Conversamos com a Dra. Rafaela Batisti, ginecologista e obstetra da Perinatal, para saber o que é a menstruação prolongada, suas causas e como parar.

 

Veja mais: Menstruação: 11 alterações que podem ocorrer no ciclo menstrual, fluxo e duração

 

 

Como identificar a menstruação prolongada

 

 

A doutora Rafaela explica que a duração do período menstrual varia em torno de quatro a oito dias, dependendo das características do ciclo de cada mulher. Segundo a médica, esse padrão é estabelecido pela Federação Internacional de Ginecologia e Obstetrícia (FIGO), que determina que qualquer fluxo que se estenda para mais de oito dias já passe a ser considerado um quadro de menstruação prolongada. “Um sangramento uterino anormal aumentado pode ser tanto pelo volume quanto pelo tempo de sangramento. Nada melhor do que a própria mulher para identificar mudanças no padrão do seu ciclo menstrual”, diz ela. 

 

Com relação ao volume ideal do fluxo durante a menstruação, a médica comenta que é mais difícil avaliar a nível quantitativo. Ela cita a medida de 80 ml/dia como o máximo que uma mulher deveria menstruar a cada mês, algo que equivale a cerca de 6 colheres de sopa. Contudo, a forma mais fácil é ficar atenta ao volume aumentado é por meio da frequência de troca do absorvente. “Uma frequência de 1 hora de intervalo é um sinal de alerta. Uma dica para controle diário é o uso de mais de 3 coletores ou absorventes grandes ao dia. Isso já é um indício de aumento de volume”, esclarece. 

 

 

Entenda a relação entre menstruação prolongada e fluxo intenso

 

 

Doutora Rafaela explica que, embora a menstruação prolongada seja muito associada ao fluxo intenso, nem sempre os dois fatores estão diretamente ligados. “Algumas mulheres podem, por algum motivo, apresentar sangramento de pequeno volume por mais de 8 dias. O que também é considerado um ciclo anormal e deve alertar por buscar uma avaliação médica”, destaca. 

 

O fluxo intenso está relacionado ao espessamento do endométrio, revestimento interno do útero que descama durante a menstruação. Quando ele é mais volumoso, a mulher tende a menstruar em maior quantidade, mas isso não significa que o seu período menstrual durará mais dias. 

 

 

Tratamento para a menstruação prolongada diminuir varia de acordo com a causa

 

 

A menstruação prolongada pode parar espontaneamente ou precisar de algum tipo de indução. Neste último caso, a médica afirma que o método varia de acordo com a causa e outros possíveis sintomas. “Pode envolver reposição hormonal, cirurgias, uso de antibióticos, entre outros”, diz. Em seguida, com a pausa do sangramento, o tratamento deve ser direcionado para o fator responsável pelo quadro. “As causas são diversas e depende do período de vida em que a mulher se encontra”, diz.

 

Segundo a ginecologista, as causas mais comuns associadas à menstruação prolongada são: 

 

- Disfunções Hormonais do ciclo menstrual 

- Síndrome do Ovário Policístico

- Hiperprolactinemia (Aumento do Hormônio da Amamentação)

- Hipotireoidismo

- Causas Uterinas ( Pólipos, miomas, adenomiose)

- Infecções como endometrite ou cervicite

 

A médica ainda cita que mulheres com irregularidade menstrual possuem uma tendência maior a ter menstruação prolongada e fluxo menstrual aumentado. “Exames complementares sempre são necessários com dosagens hormonais e ultrassonografia transvaginal. Conhecer seu corpo e seu ciclo menstrual é o primeiro passo do auto-conhecimento feminino”, pontua a médica.

 

 

Este artigo conta com a participação da especialista: 

Dra. Rafaela Batisti, ginecologista e obstetra da Perinatal.

RM RJ: 52.109017-8

 

 

semprelivre_bottom1_dance_new

  • Menstruação
    Posso ir à praia ou piscina menstruada? Saiba como curtir o verão sem neuras!
    Foi para um lugar de praia e ficou menstruada no meio da viagem? Não tem problema! Com a ..
  • Menstruação
    Veja 6 situações do dia a dia que quem sente muita cólica vai se identificar
    “Oi, sumida?!”. Todo mês as cólicas surgem de surpresa, como a mensagem daquele cari..
  • Menstruação
    Qual a diferença entre cobertura suave e seca? Saiba como escolher a ideal para você!
    Quem já se perguntou alguma vez por que existem taaaantas opções de absorventes diferen..
  • Menstruação
    Frescura? Sério? Pensamentos que passam pela sua cabeça quando alguém reclama da sua TPM
    Apesar da tensão pré-menstrual ser um momento só seu, todo mundo adora dar pitacos, né..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • Quiz
    Você conhece as principais ISTs? Faça o teste e descubra!
    As ISTs são um grupo de infecções que têm como principal via de transmissão o sexo. Elas...
    Você conhece as principais ISTs? Faça o teste e descubra!
  • Quiz
    Você conhece as principais ISTs? Faça o teste e descubra!
    As ISTs são um grupo de infecções que têm como principal via de transmissão o sexo. Elas...
    Você conhece as principais ISTs? Faça o teste e descubra!
  • Menstruação
    Sinto cólicas mas minha menstruação não desce. É normal?
    A cólica é um sintoma que normalmente é associado à chegada da menstruação. No entanto,...
    Sinto cólicas mas minha menstruação não desce. É normal?
  • Menstruação
    Sinto cólicas mas minha menstruação não desce. É normal?
    A cólica é um sintoma que normalmente é associado à chegada da menstruação. No entanto,...
    Sinto cólicas mas minha menstruação não desce. É normal?
  • VER TODAS >