Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

Mama dolorida antes da menstruação é normal? Entenda porque isso pode acontecer

Mama dolorida antes da menstruação é normal? Entenda porque isso pode acontecer

Algumas mulheres costumam sentir a mama dolorida antes da menstruação. A sensação é provocada pelo aumento da retenção de líquido durante a TPM (Tensão Pré-menstrual). Além da sensibilidade, também é possível perceber os seios mais inchados e rígidos. A dor mamária, também conhecida como mastalgia, é uma dor cíclica, ou seja, ela aparece sempre em uma fase específica do ciclo menstrual. A sensação de mama dolorida e inchada desaparece logo após a chegada da menstruação, assim como outros efeitos do período pré-menstrual.

 

Sentir os seios inchados e doloridos durante a TPM também pode ser um indicativo de displasia mamária. O quadro é uma alteração fibrocística benigna que leva à formação de pequenos nódulos nas mamas. Entenda a relação entre a dor nos seios antes da menstruação e como é possível aliviar o incômodo. 

 

 

Seios doloridos antes da menstruação estão relacionados ao aumento da progesterona 

 

 

A mama dolorida é um dos sintomas pré-menstruais mais recorrentes. Sua principal causa é o aumento da progesterona que acontece na fase lútea, período que começa depois da ovulação e termina com a chegada da menstruação. A ação da progesterona faz com que o corpo passe a reter mais líquido, que, por sua vez, acaba ficando acumulado entre as células dos tecidos sob a pele, dando origem a um edema. 

 

Um edema nada mais é do que um inchaço causado pelo acúmulo de líquido. As regiões mais afetadas pela retenção hídrica durante a TPM são as pernas, pés, abdômen, mãos e seios. Como o inchaço deixa a região mais rígida, é comum que a mulher sinta as mamas doloridas e sensíveis. 

 

A dor nos seios durante a TPM é um sintoma cíclico que aparece entre cinco e dez dias antes do início da menstruação. Com a chegada do fluxo, o ideal é que ela desapareça, junto com o inchaço e a rigidez. Outro ponto importante sobre a mastalgia é que ela ocorre nos dois seios simultaneamente e não apenas em um lado, em especial na parte superior e externa. Esse detalhe ajuda a diferenciar a dor pré-menstrual de quadros em que há presença de lesões e nódulos.

 

Embora a sensibilidade mamária cause um incômodo significativo, ela não é incapacitante e não precisa ser motivo de preocupação. Contudo, a partir do momento que a dor passa a impactar a qualidade de vida da mulher ela precisa ser investigada. Neste caso, o desconforto pode estar relacionado com outras causas além do ciclo menstrual. 

 

 

Mama dolorida e rígida durante a TPM pode ser indicativo de displasia mamária  

 

A displasia mamária é uma alteração fibrocística benigna que leva à formação de pequenos nódulos no tecido mamário. O quadro também deixa os seios mais doloridos e inchados durante a TPM e tende a amenizar logo após a menstruação. A diferença entre os dois casos é que a dor nas mamas causada pelo aumento da progesterona não provoca nódulos, enquanto a displasia sim. 

 

A displasia mamária não é considerada uma doença e nem um fator de risco para problemas mais sérios nos seios, como o câncer de mama. O crescimento de nódulos é provocado por alterações hormonais consideradas normais e é mais recorrente durante a puberdade ou menopausa. Além disso, fora a TPM, raramente a mulher sente os seios doloridos e inchados em outras épocas do ciclo menstrual. 

 

O diagnóstico da displasia é feito por um ginecologista ou mastologista. Seu tratamento é feito com uso de medicamentos hormonais e analgésicos para aliviar as dores. Alguns médicos também receitam alimentos ou suplementos ricos em vitamina E, como ovos, alface, espinafre e cereais. O nutriente tem ação antioxidante que ajuda a reduzir os cistos no tecido mamário e reduz os sintomas. 

 

 

 Como aliviar a dor mamária antes da menstruação: dicas e tratamentos 


 

A dor cíclica nos seios costuma não ser severa, mas pode ser bastante desconfortável. Por isso, muitas mulheres buscam dicas ou tratamentos para reduzir o incômodo. Por não ser classificada um problema sério ou desequilíbrio hormonal, não existe uma solução definitiva para acabar com a dor nas mamas antes da menstruação. A dica é investir em paliativos que ajudam a aliviar a sensibilidade e evitar que o aumento do inchaço. Confira algumas dicas para lidar com a mama dolorida e inchada durante a TPM. 


 

Dica 1. Procure dar preferência a sutiãs menos apertados e sem aro na parte inferior;

 

Dica 2. Beba pelo menos 2 litros de água para ajudar a reduzir a retenção hídrica. Recorrer a chás e sucos diuréticos também ajuda a diminuir o inchaço. 

 

Dica 3. Use uma compressa de água morna para relaxar a musculatura da mama e aliviar a sensibilidade local; 

 

Dica 4. Evite o consumo de alimentos ricos em gordura, principalmente alimentos ultraprocessados, com conservantes e aditivos químicos. Eles são ricos em sódio e estimulam a retenção de líquido no corpo;

 

Dica 5. Procure fazer atividades físicas para estimular o relaxamento muscular, como aeróbicos, dança e caminhada. A prática da Yoga também auxilia na melhora da dor nos seios e dos sintomas pré-menstruais em geral; 

 

Dica 6 .Alguns medicamentos analgésicos ajudam a reduzir a dor mamária, entre eles o ibuprofeno ou paracetamol. No entanto, o recomendável é sempre buscar orientação com um profissional da saúde antes de fazer uso de qualquer tipo medicação. 

 

O esperado é que a sensação de mama dolorida e inchada dure até a chegada da menstruação. Com o início do período menstrual, o sangramento desaparece, pois nesse momento a produção de progesterona cai e a retenção de líquido no corpo diminui. Consequentemente, o inchaço acaba, os seios voltam ao tamanho normal e ficam menos rígidos. 


 Se a dor mamária for intensa e persistir mesmo com o início da menstruação, é preciso ficar em alerta, sobretudo se estiver localizada em um ponto específico do seio. O ideal é que a mulher marque uma consulta com um(a) ginecologista e mastologista para descobrir se o incômodo pode estar relacionado com alguma alteração funcional nas mamas que precisa ser investigada e tratada.

semprelivre_bottom1_dance_new

  • SE CUIDA!
    Lavar a calcinha no box é ruim? Confira dicas para cuidar de suas roupas íntimas!
    Você costuma lavar a calcinha no box e nem sabe se isso faz mal? Então é bom ficar de o..
  • SE CUIDA!
    Conheça 6 hábitos que podem causar corrimento vaginal e você nem sabia
    Você sabe o que causa corrimento vaginal? Alguns costumes da nossa rotina podem ser os pr..
  • SE CUIDA!
    Marcou consulta com o ginecologista? Listamos 6 coisas que você deve saber antes de ir!
    Uma coisa é certa: ir ao ginecologista pelo menos duas vezes ao ano é fundamental para a..
  • SE CUIDA!
    Você sabe qual é a diferença entre CAREFREE® TodoDia Flexi e CAREFREE® Proteção? Descubra e use os produtos da forma certa!
    Atualmente é comum passarmos o dia todo fora, mas do trabalho até a volta para casa muit..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • Menstruação
    Corrimento marrom depois da menstruação com cólicas pode ser gravidez?
    O corrimento marrom depois da menstruação com cólicas pode ser considerado normal....
    Corrimento marrom depois da menstruação com cólicas pode ser gravidez?
  • SE CUIDA!
    Enquete: Você usa protetor diário?
    Conte para o Só Delas se você usa o protetor diário todos os dias!
    Enquete: Você usa protetor diário?
  • SE CUIDA!
    5 coisas que toda mulher precisa saber sobre pílula do dia seguinte
    Muitas já ouviram falar, mas entender como a pílula do dia seguinte funciona é...
    5 coisas que toda mulher precisa saber sobre pílula do dia seguinte
  • SE CUIDA!
    Como tratar infecção urinária? Ginecologista explica como prevenir e tratar a doença
    A infecção urinária acontece quando bactérias invadem o trato urinário e se multiplicam...
    Como tratar infecção urinária? Ginecologista explica como prevenir e tratar a doença
  • VER TODAS >