Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

Infecção urinária: infográfico mostra 6 sintomas para ficar atenta

Infecção urinária: infográfico mostra 6 sintomas para ficar atenta

A infecção urinária representa um quadro infeccioso causado geralmente entram no trato urinário começam a se multiplicar na bexiga. O problema pode atingir qualquer parte do sistema urinário, como os rins, ureteres, bexiga ou uretra. Por isso, você já deve ter ouvido falar de cistite (na bexiga) ou pielonefrite (nos rins), os tipos de infecções mais comuns nas mulheres. Segundo os médicos ter relações sexuais desprotegidas, ficar muito tempo “segurando” o xixi ou sem se hidratar e fazer uma higiene íntima inadequada são alguns dos costumes que causam o problema. O local onde se desenvolve a patologia influencia a causa e os sintomas, porém, pode-se esperar dor e ardência ao urinar em quase todos os casos. De forma geral, há 6 sinais de que há algo de errado no trato urinário:

 

 

1) Dor ao urinar

 

O sintoma mais comum de todas as infecções urinárias é a dor ao urinar. Na verdade, o sintoma é o mais indicador de que o quadro pode estar se desenvolvendo. É normal que os pacientes sintam fortes ardências no trato urinário na hora de fazer xixi. Para aliviar esse desconforto, o ideal é continuar a beber muita água para que o líquido possa se diluir com a urina e facilitar que o organismo coloque as bactérias para fora. Uma outra dica é, nesse momento, cortar as bebidas alcoólicas, já que elas podem facilitar uma desidratação e impedir essa junção dos líquidos.

 

2) Constante vontade de fazer xixi

 

A micção frequente também é um dos sintomas da infecção urinária. Às vezes, é comum até que a paciente sinta vontade de fazer urinar com intervalos muito pequenos. Essa é uma ação comum da bactéria e o mais indicado, segundo os profissionais, é não segurar o xixi. Isso porque, quanto mais você beber água e for ao banheiro, maiores são as chances que o seu organismo consiga eliminar os agentes infecciosos naturalmente.

 

3) Sangue na urina

 

Ter sangue na urina não é tão comum quanto as dores ou a incontinência urinária, mas isso pode acontecer com qualquer paciente que esteja passando por um quadro infeccioso no trato urinário. Esse sintoma também faz com que a urina adquira uma coloração mais escura que o normal, quase vermelha.

 

4) Cheiro forte na urina

 

Normalmente, a urina com um odor forte é um indicativo de que o xixi está há muito tempo concentrado na ureia. Mas, quando há uma infecção urinária, o cheiro forte é comum, mesmo que não se tenha passado tanto tempo desde a última vez que a paciente urinou. Embora a única maneira de eliminar os odores é extinguindo as bactérias e tratando a infecção. Evitar bebidas com cafeína é ideal para que o sintoma não acentue.

 

5) Dores locais

 

A pielonefrite (infecção nos rins) pode causar dor nas costas, mas todas as infecções urinárias envolvem dores pélvicas, na bexiga, na parte inferior do abdômen ou na região genital. Enquanto as bactérias persistem no sistema urinário, não há muito o que fazer para aliviar esses desconfortos, além de usar bolsas ou compressas com água morna para aliviar os desconfortos. Lembre-se de colocá-las um pouco abaixo do abdômen.

 

6) Febre, vômitos e náuseas em alguns casos

 

Náuseas, vômitos e febre são sintomas clínicos que também podem acompanhar a infecção urinária. Eles acontecem muito porque o sistema imunológico está empenhado em eliminar as bactérias causadoras do problema e, portanto, o organismo fica menos protegido. Caso você tenha notado os sinais acima reunidos, não deixe de procurar um especialista para receber orientações para um tratamento eficaz.

 

Tipos de infecção no trato urinário  

 

1) Cistite


Existem quatro tipos de infecção urinária que são diferenciados pelo local onde onde houve a manifestação dos agentes infecciosos. A cistite é a mais comum e atinge a bexiga ou o trato urinário inferior. Esse quadro tem mais chances de acontecer com mulheres por conta da pequena distância entre a uretra e a bexiga, entre 2 a 3 centímetros (nos homens, essa distância é de 15 a 20 centímetros). Assim, as bactérias chegam ao local com uma maior facilidade. Necessidade de urinar frequentemente, pouco volume de urina, dor na bexiga e ardor ao urinar são alguns dos sintomas desse quadro.

 

2) Uretrite


A uretrite é a uma inflamação no canal uretra (por onde sai a urina da bexiga) que pode ser causada por infecção bacteriana ou viral, quando o fator principal é uma doença sexualmente transmissível. Como a uretra é bem próxima da vagina, grande parte dos quadros são favorecidos por uma relação sexual desprotegida, provocando a contaminação no contato com o parceiro(a) portador do problema. Entre os sintomas da uretrite, pode ocorrer dor e ardência ao urinar, corrimento vaginal, febre, micção frequente e dor pélvica.

 

3) Pielonefrite

 

Pielonefrite é o nome dado quando a infecção alcança os rins. Geralmente, esse caso é um desdobramento de algum dos outros problemas urinários, fazendo com que a bactéria se movimente até um ou ambos os rins. Nesse estágio, a pielonefrite deve ser tratada imediatamente, já que pode prejudicar permanentemente o funcionamento renal ou, caso se espalhe pela corrente sanguínea, ser potencialmente fatal.

 

4) Infecção nos ureteres

 

A infecção nos ureteres acomete o canal que transporta a urina dos rins até a bexiga. Esse último quadro é mais comum entre os homens e causa dor pélvica e no abdômen.

 

Tratamentos recomendados para infecção urinária

 

O tratamento das infecções urinárias variam de acordo com o quadro desenvolvido, seja pelo tipo da doença ou pela sua gravidade. Cada caso deve ser avaliado individualmente por um médico, mas, na maioria dos casos é feito com antibiótico. Além disso, o profissional responsável pelo caso também pode receitar analgésicos e outros medicamentos para um alívio das dores e da ardência ao urinar. Também é recomendado por eles beber bastante água para o líquido diluir com a urina e facilitar a recuperação.

 

Saiba quais são os cuidados necessários para prevenir a infecção urinária

 

Para se prevenir de infecções urinárias, alguns cuidados no dia a dia podem ajudar bastante. É importante beber água frequentemente, então, a tenha sempre uma garrafa d’água por perto para se manter muito bem hidratada. Outra recomendação é não prender a urina por muito tempo, indo ao banheiro sempre que precisar. Já em relação ao sexo, é fundamental usar a camisinha para prevenir a infecção através do contato sexual e também urinar depois da relação, pois isso pode ajudar a “limpar” o canal vaginal e eliminar bactérias que possam ter ficado nesse sistema, sem permitir que ela se prolifere.

semprelivre_bottom1_dance_new

  • Menstruação
    Posso ir à praia ou piscina menstruada? Saiba como curtir o verão sem neuras!
    Foi para um lugar de praia e ficou menstruada no meio da viagem? Não tem problema! Com a ..
  • Menstruação
    Veja 6 situações do dia a dia que quem sente muita cólica vai se identificar
    “Oi, sumida?!”. Todo mês as cólicas surgem de surpresa, como a mensagem daquele cari..
  • Menstruação
    Qual a diferença entre cobertura suave e seca? Saiba como escolher a ideal para você!
    Quem já se perguntou alguma vez por que existem taaaantas opções de absorventes diferen..
  • Menstruação
    Frescura? Sério? Pensamentos que passam pela sua cabeça quando alguém reclama da sua TPM
    Apesar da tensão pré-menstrual ser um momento só seu, todo mundo adora dar pitacos, né..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • SE CUIDA!
    Esqueci de tomar anticoncepcional 2 dias. O que devo fazer?
    “Esqueci de tomar anticoncepcional 2 dias e agora?”. Se você compartilha dessa dúvida,...
    Esqueci de tomar anticoncepcional 2 dias. O que devo fazer?
  • SE CUIDA!
    Lubrificação feminina é essencial na hora do sexo
    A lubrificação feminina é um fluido produzido pela vagina como resposta à excitação...
    Lubrificação feminina é essencial na hora do sexo
  • Quiz
    QUIZ : Você sabe o que é mito e o que é verdade sobre a saúde íntima feminina?
    Saber como cuidar da saúde íntima feminina faz toda a diferença na prevenção de incômodos...
    QUIZ : Você sabe o que é mito e o que é verdade sobre a saúde íntima feminina?
  • SE CUIDA!
    Veja 5 benefícios de rebolar a pelve
    Os benefícios de dançar rebolando vão muito além da diversão! A circundução da pelve (...
    Veja 5 benefícios de rebolar a pelve
  • VER TODAS >