Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

Estilo de vida pode deixar mulheres mais propensas a desenvolver endometriose. Entenda!

Estilo de vida pode deixar mulheres mais propensas a desenvolver endometriose. Entenda!

A endometriose é uma doença que traz muitas dores para as mulheres. Ainda é difícil apontar o que causa o problema, mas já se sabe que alguns fatores podem motivar o aparecimento da complicação, principalmente em relação ao estilo de vida. São pequenos hábitos no dia a dia e na alimentação que podem fazer toda a diferença para evitar a doença ou amenizar os sintomas durante o tratamento de endometriose. Conversamos com a ginecologista Ana Lúcia Beltrame para entende o que é endometriose e como reduzir o risco de ter a doença.


O que é endometriose?

 

Você sabe o que é o endométrio? Ele é uma camada que recobre o interior do útero. Sua principal função é ajudar o útero durante a gestação. Por isso, todos os meses esse tecido se engrossa, se preparando para a fecundação. Caso a gravidez não aconteça, ele é expelido naturalmente pelo nosso corpo por meio da menstruação.

 

Já a endometriose é uma condição que acontece quando há uma má formação do endométrio, quando essa camada acaba crescendo por fora do útero, atingindo outros órgãos. Segundo a especialista, a endometriose pode aparecer na parte posterior ao útero, nas trompas, nos ovários, no intestino e também na bexiga. Assim, quando a menina está menstruando, essas células formadas por fora do útero também sangram e também provocam dores, como a cólica. Ainda não se sabe ao certo o que causa o problema, mas alguns fatores podem influenciar o quadro. “Um dos motivos da doença é caracterizada pela menstruação retrógrada, onde a menstruação não percorre o caminho habitual e vai direto para a cavidade pélvica ao invés de ser expelida pela vagina”, explica.

 

Sintomas de endometriose: cólica forte e fluxo menstrual muito intenso são os principais

 

A endometriose pode ser diagnosticada após a primeira menstruação da mulher, mas, muitas vezes consegue se camuflar, sem apresentar sintomas aparentes. Segundo a profissional, as meninas devem procurar os seguintes sintomas:

 

  • Cólicas menstruais intensas;

  • Dores e sangramento para evacuar e urinar;

  • Dores durante as relações sexuais;

  • Dores na região pélvica sem estar no período menstrual;

  • Intestino preso ou solto;

  • Dificuldades para engravidar;

 

Notados qualquer um desses sinais é importante recorrer a um especialista para realizar o devido tratamento. A doença pode ser bem grave para a saúde da mulher, por dificultar que ela engravide ou até mesmo deixá-la infértil.

 

Uma rotina estressante é um dos agravantes para a endometriose

 

Que o estresse tem diversas consequências na saúde, sabemos bem. E na saúde menstrual isso não muda. Quando ficamos estressadas, os níveis de diferentes hormônios do nosso organismo vão à loucura e a concentração hormonal pode acabar desencadeando o desenvolvimento das células endometriais. O estresse também pode ser um fator determinante para fazer com que o problema apareça mais uma vez, mesmo em mulheres que já passaram pela cirurgia para tratar a endometriose. Por isso, procure relaxar mais e praticar alguns hábitos que podem fazer toda a diferença no seu dia a dia.

 

Consumo excessivo de álcool e cafeína também são fatores de risco para endometriose 

 

Para evitar a endometriose,é importante evitar uma alimentação inflamatória, já que algumas dietas podem aumentar a inflamação, como a endometriose. O álcool e o café são as principais bebidas dessa lista. Eles podem provocar mais dores e aumentar os sintomas da TPM. Uma dica é ficar um mês sem consumir qualquer fonte de cafeína, como chocolate, bebidas energéticas, refrigerante e chá preto e, no final, verificar como você se sente.

 

Prevenção da endometriose: exercícios físicos, alimentação balanceada e relaxamento 

 

Muitas mulheres conseguem contornar ou controlar a endometriose por meio dos exercícios físicos. Já outras deixam a doença longe do organismo, usando as atividades como forma de prevenção. A endorfina, produzida durante os exercícios, provoca um efeito vasodilatador e analgésico, reduzindo o estresse e os níveis de estrogênio, o hormônio mais envolvido na doença. E não é difícil como você pensa: não há necessidade de ficar horas dentro da academia. Procure atividades físicas que você gosta e te dão prazer de levantar da cama, como aulas de dança, natação, esportes e por que não uma corridinha? Consulte também seu ginecologista para encontrar o melhor método de prevenção ou tratamento para você.

 

Este artigo tem a contribuição da especialista:
Dra. Ana Lúcia Beltrame - Ginecologia, Obstetrícia e Reprodução. www.ellasaude.com.br  
CRM-SP: 97.198

SL_Arroba_turbante_Semprejunta

Symantic Display

  • Menstruação
    Menstruação
    4 motivos ilustrados com gifs que vão explicar como a menstruação faz das mulheres ainda mais poderosas
    4 motivos ilustrados com gifs que vão explicar como a menstruação faz das mulheres ainda mais poderosas
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • Menstruação
    Menstruação
    A cólica na adolescência é mais intensa? Entenda se esse sintoma pode variar nas diferentes fases da vida
    A cólica na adolescência é mais intensa? Entenda se esse sintoma pode variar nas diferentes fases da vida
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Sofre com fortes cólicas? Pode ser um indicador de endometriose. Entenda mais sobre o problema e cuide-se!
    Sofre com fortes cólicas? Pode ser um indicador de endometriose. Entenda mais sobre o problema e cuide-se!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • PRIMEIRA VEZ
    PRIMEIRA VEZ
    Primeira vez: 7 conselhos que vão te deixar mais segura para a relação
    Primeira vez: 7 conselhos que vão te deixar mais segura para a relação
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • PODEROSAS
    PODEROSAS
    Orquestras só com homens? Não mais… Conheça as mulheres que estão se destacando na música clássica!
    Orquestras só com homens? Não mais… Conheça as mulheres que estão se destacando na música clássica!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • A MÚSICA ME MOVE
    A MÚSICA ME MOVE
    5 lançamentos musicais de novembro que você não pode deixar de ouvir
    5 lançamentos musicais de novembro que você não pode deixar de ouvir
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Se proteger da candidíase pode ser mais simples do que você imagina. Saiba como!
    Se proteger da candidíase pode ser mais simples do que você imagina. Saiba como!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • PODEROSAS
    PODEROSAS
    Pitaco Pra Elas: conheça o projeto que empodera e ajuda mulheres a montar o próprio negócio
    Pitaco Pra Elas: conheça o projeto que empodera e ajuda mulheres a montar o próprio negócio
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • Menstruação
    Menstruação
    Menstruação atrasada pode ser culpa de noites mal dormidas. Entenda!
    Menstruação atrasada pode ser culpa de noites mal dormidas. Entenda!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • PODEROSAS
    PODEROSAS
    Convidamos a youtuber Carol Moreira e mais três apaixonadas por livros para mostrar como organizam suas estantes de livros. Inspire-se!
    Convidamos a youtuber Carol Moreira e mais três apaixonadas por livros para mostrar como organizam suas estantes de livros. Inspire-se!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • semprelivre_bottom1_dance_new

  • SE CUIDA!
    Lavar a calcinha no box é ruim? Confira dicas para cuidar de suas roupas íntimas!
    Você costuma lavar a calcinha no box e nem sabe se isso faz mal? Então é bom ficar de o..
  • SE CUIDA!
    Conheça 6 hábitos que podem causar corrimento vaginal e você nem sabia
    Você sabe o que causa corrimento vaginal? Alguns costumes da nossa rotina podem ser os pr..
  • SE CUIDA!
    Marcou consulta com o ginecologista? Listamos 6 coisas que você deve saber antes de ir!
    Uma coisa é certa: ir ao ginecologista pelo menos duas vezes ao ano é fundamental para a..
  • SE CUIDA!
    Você sabe qual é a diferença entre CAREFREE® TodoDia Flexi e CAREFREE® Proteção? Descubra e use os produtos da forma certa!
    Atualmente é comum passarmos o dia todo fora, mas do trabalho até a volta para casa muit..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • Menstruação
    Sempre Livre com cobertura suave ou seca, qual devo escolher?
    O absorvente externo SEMPRE LIVRE® é um verdadeiro companheiro das mulheres durante a...
    Sempre Livre com cobertura suave ou seca, qual devo escolher?
  • SE CUIDA!
    Carefree TodoDia Flexi: conheça o protetor diário que se ajusta a todos os tipos de calcinha
    CAREFREE® TodoDia Flexi é um protetor diário respirável fino, flexível e com formato que...
    Carefree TodoDia Flexi: conheça o protetor diário que se ajusta a todos os tipos de calcinha
  • Menstruação
    Menstruação com mau cheiro forte: o que pode ser?
    Ao notar a menstruação com mau cheiro, o ideal é buscar uma avaliação médica para...
    Menstruação com mau cheiro forte: o que pode ser?
  • Saúde da mulher
    Ginecologista responde 3 dúvidas frequentes sobre escape menstrual
    O escape menstrual, também conhecido como spotting, é caracterizado por um pequeno...
    Ginecologista responde 3 dúvidas frequentes sobre escape menstrual
  • VER TODAS >