Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

Esqueci de tomar a pílula anticoncepcional! E agora? Posso tomar duas juntas de uma vez?

Esqueci de tomar a pílula anticoncepcional! E agora? Posso tomar duas juntas de uma vez?

O dia terminou e você esqueceu de tomar a pílula anticoncepcional no horário certo? Calma! Não precisa ficar nervosa por esse motivo. Sabemos que a forma correta de tomar o contraceptivo é sempre no mesmo horário, mas, caso ocorra esquecimento em um dia específico, basta ingerir o comprimido em até 12 horas. Em alguns casos, há mulheres que preferem tomar duas pílulas de uma só vez. Se essa é uma boa medida ou não, você vai descobrir a seguir. Conversamos com a ginecologista Fernanda Torras para saber como agir quando houver falha na administração do método contraceptivo.

 

É recomendado tomar duas pílulas de uma vez?

 

Tudo vai depender do tipo de pílula utilizado pela paciente. De forma geral, a recomendação é: lembrou em menos de 12 horas após horário de costume? Pode ingerir a pílula imediatamente. Se esse tempo já tiver ultrapassado, o mais indicado é tomar os dois comprimidos (o esquecido e o do dia) no horário correto de uma só vez.

 

Segundo a médica, essa recomendação é para que não haja privação dos hormônios necessários, evitando que a menina tenha sangramentos de escape. A ginecologista ressalta, no entanto, que nesses casos o uso da camisinha é necessário até a próxima cartela para ter mais garantia de prevenção. “De acordo com a pílula e a composição usada, pode haver falha contraceptiva e o preservativo deve ser mantido por 7 dias”, indica Fernanda.

 

Tomar dois comprimidos não aumenta a eficácia contraceptiva

 

Há quem acredite que tomar dois comprimidos da pílula de uma só vez aumenta a prevenção da gravidez. Mas, não é bem por aí. De acordo com a médica, isto não aumenta a eficácia contraceptiva, só ajuda a manter a ordem certa da cartela e a colocá-la no dia correto do uso e término conforme previsto. Além disso, ela comenta que tomar duas pílulas no mesmo dia não traz nenhum risco à saúde da mulher, desde que isso aconteça pouquíssimas vezes no mês. Os esquecimentos frequentes diminuem consideravelmente o efeito anticoncepcional do medicamento. Fique atenta a isso!

 

4 dicas para não esquecer de tomar a pílula

 

Esquecer de tomar a pílula é frequente na sua rotina? Saiba que existem alguns hábitos que podem te ajudar a lembrar de tomar a pílula no horário correto. Veja:

 

1) Coloque um alarme no celular;

2) Deixe para tomar a pílula junto com alguma refeição;

3) Mantenha a cartela de comprimidos na bolsa ou carteira;

4) Coloque lembretes e post-its em locais estratégicos.

 

Conheça alternativas de métodos contraceptivos para quem tem esquecimentos frequentes

 

A eficácia da pílula anticoncepcional está diretamente ligada ao uso correto do medicamento. Dessa forma, o ginecologista pode recomendar outros método contraceptivo que não dependa da administração diária. Conheça algumas opções e converse com seu médico.

 

1) Adesivo contraceptivo ou anel vaginal

 

Enquanto o adesivo deve ser colado na pele uma vez por semana, o anel é inserido no canal vaginal uma vez ao mês. “Esses métodos dependem da aplicação e retirada no dia correto, mas não diariamente”, diz a especialista. Ambos os métodos funcionam como a pílula anticoncepcional, contando com os hormônios progesterona e estrogênio em sua composição, e não precisam de um auxílio de um ginecologista para serem usados e trocados.

 

2) Anticoncepcionais injetáveis

 

A injeção anticoncepcional pode ser mensal ou trimestral. Assim, sempre no mesmo dia do mês ou a cada 3 meses, o anticoncepcional deve ser aplicado. Composto por hormônios, esse método impede o corpo de liberar óvulos e torna espesso o muco vaginal, dificultando a passagem do espermatozóide. Esse contraceptivo precisa da administração de um profissional para que a injeção seja dada em um local estratégico.

 

3) DIU
 

“Esses são métodos de longo prazo que não dependem da troca ou tomadas”, explica a ginecologista. O DIU é um pequeno objeto plástico que é inserido no útero para atuar como contraceptivo. Com longa duração, o método pode ser encontrado em duas versões: hormonal ou de cobre. O dispositivo que contém cobre, por conta da substância, impede impede que o espermatozóide sobreviva tempo o suficiente para encontrar o óvulo, enquanto que o hormonal libera constantemente doses de progesterona, o que ajuda a afinar o endométrio até que ele se desfaça e dê origem ao fluxo menstrual.
 

Para entender mais sobre esses métodos contraceptivos, consulte seu ginecologista de confiança. Com esse profissional, você pode tirar todas as suas dúvidas e entender mais sobre as suas necessidades com o tipo de contracepção. Ah, vale lembrar que alguns desses métodos, como o DIU e a injeção necessitam de acompanhamento profissional.

 

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Fernanda Torras - Médica Ginecologista, Obstetra e Mastologista referência em saúde feminina.
CRM: 130.332
https://drafernandatorras.com.br/

semprelivre_bottom1_dance_new

  • PRIMEIRA VEZ
    Medo de ir ao ginecologista? Não precisa! Saiba o que esperar de uma primeira consulta
    A primeira ida ao ginecologista gera um certo receio em muitas garotas, mas não há motiv..
  • PRIMEIRA VEZ
    1º dia de aula na faculdade: a blogueira Natalia Salvador contou como encarou o medo e deu dicas de como lidar com essa mudança
    Uma das maiores mudanças do início da nossa vida adulta é a entrada para a universidade..
  • PRIMEIRA VEZ
    5 coisas que ninguém te contou sobre sua primeira menstruação
    A primeira menstruação acontece de forma inesperada, já que, na maioria das vezes a gen..
  • PRIMEIRA VEZ
    Intercâmbio: blogueira Paola Piola conta sobre a 1ª vez que lidou com a independência em outro país
    Fazer intercâmbio é o sonho de muitas adolescentes, principalmente depois dos 18 anos, q..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • Menstruação
    Mudar anticoncepcional pode atrasar menstruação?
    Você sabia que mudar anticoncepcional pode atrasar a menstruação ou até mesmo provocar...
    Mudar anticoncepcional pode atrasar menstruação?
  • Menstruação
    Candidíase atrasa a menstruação?
    Muitas mulheres têm dúvidas se a candidíase atrasa a menstruação. A infecção fúngica,...
    Candidíase atrasa a menstruação?
  • Menstruação
    Antibiótico atrasa menstruação? Veja quais compostos podem interferir no ciclo menstrual
    Muitas mulheres acreditam que o uso de antibiótico atrasa a menstruação. Isso porque...
    Antibiótico atrasa menstruação? Veja quais compostos podem interferir no ciclo menstrual
  • Quiz
    Você sabe qual a diferença do período fértil e ovulação? Teste seus conhecimentos
    A ovulação e o período fértil são duas fases do ciclo menstrual em que a mulher tem mais...
    Você sabe qual a diferença do período fértil e ovulação?  Teste seus conhecimentos
  • VER TODAS >