Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

Dor pélvica: o que pode ser? Consultamos um ginecologista para saber!

Dor pélvica: o que pode ser? Consultamos um ginecologista para saber!

Já sentiu uma dor na região pélvica? Um incômodo localizado logo abaixo do abdômen, podendo também afetar outras áreas femininas como o útero e a vagina. Esse quadro pode indicar uma complicação nos órgãos femininos, mas também pode estar relacionada com cólicas menstruais, problemas urinários e intestinais. O Só Delas conversou com a ginecologista Michelle Zelaquett para entender a origem dessa dor pélvica que pode estar tirando seu sono.

 

Dor pélvica durante a menstruação pode ser apenas cólica

 

As dores uterinas mais comuns nas mulheres estão relacionadas ao ciclo menstrual e se manifestam em forma de cólicas. Segundo a médica, o aumento da produção e da concentração de um hormônio, chamado prostaglandina, ajuda a descamação do endométrio na fase menstrual. Em algumas mulheres, isso se manifesta com contrações uterinas, ou seja, cólicas. O termo técnico para essas cólicas menstruais chama-se dismenorreia e pode ser classificada em primária e secundária.

 

Quando primária, essa dor chega e vai embora com o fluxo menstrual. Segundo a ginecologista, pode não haver uma causa identificável para essas menstruações dolorosas. “Algumas mulheres, entretanto, têm mais fatores de risco para essas dores do que outras, como idade inferior a 20 anos, histórico familiar, tabagismo, sangramento intenso, menstruações irregulares, puberdade precoce e nunca ter tido filho”, explica. Quando secundária, essa dor está relacionada a algum problema que a torna cada vez mais severa. “Algumas dessas doenças são a endometriose, a adenomiose, os miomas, as doenças inflamatórias pélvicas e as doenças sexualmente transmissíveis”, esclarece a médica.

 

Dores na região pélvica feminina mais fortes podem indicar algum problema

 

De acordo com a ginecologista, mais de um terço das queixas nos consultórios ginecológicos são as dores pélvicas. Quase sempre essa dor parte de alterações nos órgãos reprodutores contidos na pelve feminina, que são o útero, os ovários, as trompas e a vagina. “Alguns sinais de que os órgãos reprodutores podem estar afetados, além das dores pélvicas, são o corrimento (principalmente, fétido e bolhoso), o sangramento fora do período menstrual ou durante a relação sexual, dor durante o sexo, coceira, vermelhidão, inchaço na vagina e aumento do volume abdominal. A presença de febre também é um sinal importante”, alerta a médica. Portanto, se você perceber esses sinais, não deixe de marcar uma consulta com a sua ginecologista imediatamente.

 

Exames básicos podem diagnosticar a dor na região pélvica 

 

Segundo a especialista é necessário fazer exames como o toque vaginal e a coleta do preventivo para tentar descobrir a origem da dor pélvica. Além disso, ela afirma que os hábitos de vida da mulher, como uso de contraceptivos, DIU e camisinha, sempre devem ser considerados. “Deve-se também considerar as doenças sexualmente transmissíveis. Nesses casos, a coleta das sorologias é fundamental. O exame ultrassonográfico também pode trazer esclarecimentos sobre miomas e pólipos”, diz.

 

A dor pélvica pode ser crônica?

 

De acordo com a ginecologista, a dor pélvica é considerada crônica quando sua duração persiste há pelo menos seis meses, afetando diretamente a qualidade de vida da mulher, tanto do ponto de vista físico, como emocional. Nesse caso, a dor pode estar relacionada a problemas do sistema reprodutivo como a endometriose (e suas variações), no sistema gastrointestinal (síndrome do intestino irritável e hérnias) e urinário (cistite intersticial e litíase urinária).

 

Este artigo tem a contribuição da especialista:
Dra Michelle Soares Zelaquett - Ginecologista e obstetra
CRM: 52.85064-0

SL_Arroba_turbante_Semprejunta

Symantic Display

  • Menstruação
    Menstruação
    É verdade que não devo me depilar durante a menstruação? Consultamos um ginecologista para saber!
    É verdade que não devo me depilar durante a menstruação? Consultamos um ginecologista para saber!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Pílula anticoncepcional reduz os efeitos da TPM? Consultamos um ginecologista para saber!
    Pílula anticoncepcional reduz os efeitos da TPM? Consultamos um ginecologista para saber!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • Menstruação
    Menstruação
    Posso entrar na água de absorvente interno? Consultamos uma ginecologista para saber!
    Posso entrar na água de absorvente interno? Consultamos uma ginecologista para saber!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Tenho sentido um odor diferente na minha calcinha. O que pode ser?
    Tenho sentido um odor diferente na minha calcinha. O que pode ser?
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • VOCÊ SABIA?
    VOCÊ SABIA?
    Adora uma selfie? 5 aplicativos para edição de fotos que você precisa ter no celular
    Adora uma selfie? 5 aplicativos para edição de fotos que você precisa ter no celular
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Indicadores de que o odor vaginal pode estar relacionado a algum problema de saúde
    Indicadores de que o odor vaginal pode estar relacionado a algum problema de saúde
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    É verdade que a TPM pode contribuir para um mau hálito?
    É verdade que a TPM pode contribuir para um mau hálito?
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • Menstruação
    Menstruação
    Riscos que uma menstruação irregular pode trazer para a sua saúde
    Riscos que uma menstruação irregular pode trazer para a sua saúde
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Estou com um corrimento esverdeado: o que pode ser?
    Estou com um corrimento esverdeado: o que pode ser?
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Uma menina que ainda não menstruou pode usar anticoncepcionais para diminuir a acne?
    Uma menina que ainda não menstruou pode usar anticoncepcionais para diminuir a acne?
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • semprelivre_bottom1_dance_new

  • PODEROSAS
    Viajada: 7 dicas para quem quer viajar sozinha nessas férias!
    A gente sabe que as mulheres estão cada vez mais independentes, inclusive na hora de viaj..
  • PODEROSAS
    Férias em casa: 5 dicas de livros de autoras fortes para curtir o tempo livre
    Em meio a tantos best-sellers com protagonistas homens, existe um universo de autoras mulh..
  • PODEROSAS
    10 segredos para você se sentir mais confiante sem mudar o visual
    Às vezes tudo o que a gente precisa para se achar mais confiante é inserir pequenos háb..
  • PODEROSAS
    Girl power! Listamos 9 filmes para assistir com mulheres empoderadas como protagonistas
    Uma das melhores formas de descontrair e buscar se empoderar é conhecendo e se inspirando..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • SE CUIDA!
    Mitos e verdades sobre o exame preventivo
    O exame preventivo é feito para investigar a saúde vaginal da mulher! Ele é o mais pedido...
    Mitos e verdades sobre o exame preventivo
  • Menstruação
    Documentário Nosso sangue, Nosso corpo está disponível em capítulos online. Essa é a chance para quem ainda não viu
    O documentário “Nosso sangue, nosso corpo” está aí para quebrar todos os tabus sobre a...
    Documentário Nosso sangue, Nosso corpo está disponível em capítulos online. Essa é a chance para quem ainda não viu
  • SE CUIDA!
    CAREFREE® Proteção retém pequenos escapes e fluxos leves, como início e fim da menstruação. Veja como usar!
    Escapes são sangramentos leves fora da menstruação e pode ocorrer por diversos motivos....
    CAREFREE® Proteção retém pequenos escapes e fluxos leves, como início e fim da menstruação. Veja como usar!
  • PRIMEIRA VEZ
    Qual a idade certa para ter a primeira vez?
    Muita gente diz que há uma idade certa para a primeira vez. Mas a ginecologista Paula...
    Qual a idade certa para ter a primeira vez?
  • VER TODAS >