Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

Como fazer a higiene íntima para evitar corrimentos? Confira algumas dicas!

Como fazer a higiene íntima para evitar corrimentos? Confira algumas dicas!

A higiene íntima feita diariamente é essencial para evitar corrimentos vaginais. Apesar disso, vale ser dito que toda mulher pode ter corrimentos. No entanto, é preciso avaliar se é uma secreção natural da vagina, chamada de corrimento fisiológico, ou se é derivado de alguma infecção vaginal. Para saber identificar cada caso é necessário conhecer as características dos dois tipos de secreção e analisar a que aparece na sua calcinha ao longo do dia. Além disso, procurar ajuda de um ginecologista é muito importante para que ele possa avaliar e, caso seja um sintoma de infecção, recomendar o tratamento adequado. Conversamos com o ginecologista Rogério Leão sobre o tema.


O que causa o corrimento vaginal?
 

De acordo com o médico, o corrimento vaginal tem várias causas e nem todas são patológicas. Toda mulher pode ter um corrimento vaginal normal, chamado de corrimento fisiológico. “Ele é formado pelo muco das glândulas do colo do útero, bactérias da flora vaginal normal e células mortas de descamação da vagina”, explica Rogério. Durante o ciclo menstrual há variação na produção de muco, que aumenta no período ovulatório (meio do ciclo) e ganha uma textura mais espessa. O corrimento vaginal natural costuma ser branco, leitoso ou transparente, e sem odor ou outros sintomas acompanhados.

 

Já os corrimentos patológicos são diferentes, pois são causados por bactérias e fungos. “Nos corrimentos por bactéria em geral há odor, aspecto amarelado/esverdeado e pode ser acompanhado de dor. Quando causado por fungo, tem aspecto esbranquiçado e espesso como leite talhado e ardor e coceira vaginal associado”, esclarece o profissional.

 

Corrimentos escuros pode ser sinais de pequenos sangramentos

 

Além da secreção fisiológica e do corrimento patológico, há ainda corrimentos com cor marrom ou “borra de café”. “Eles são sinais de pequenos sangramentos do útero, que podem ter várias causas como pólipos e miomas”, acrescenta o médico. No finalzinho da menstruação também pode ocorrer uma secreção com essa coloração. Além disso, vale lembrar ainda que a região genital tem glândulas sudoríparas que levam à sudorese da região íntima dando a sensação de umidade.
 

Higiene íntima adequada ajuda a prevenir o corrimento
 

É importante lembrar que a secreção fisiológica é normal e toda mulher tem, independente da higiene. A higiene íntima adequada, no entanto, ajuda a prevenir infecções que causam corrimento patológico. Para ajudar na prevenção, o ginecologista dá dicas: “Deve ser feita externamente durante o banho diário. Use sabonetes próprios para a região ou pelo menos os de pH neutro. Os sabonetes não neutros, inclusive, podem matar bactérias que protegem a região, como os lactobacilos de Doderlein”, diz. Segundo o médico, essas bactérias normalmente produzem substâncias que reduzem o pH da vagina, deixando-o ácido e, assim, inibindo o crescimento e a proliferação de outras bactérias nocivas. O mesmo se refere ao uso de sabonetes bactericidas, que podem ser prejudiciais, pois matam esses lactobacilos.

 

Outro ponto é tomar cuidado, pois, muitas vezes na preocupação de se higienizar muitas vezes para não ter odores ou secreções, a mulher acaba ferindo a mucosa protetora da vagina. O médico ressalta que a higiene deve ser feita somente na vulva, a parte externa da vagina. “Lavagens internas, como as duchas vaginais, também podem prejudicar a defesa natural do corpo, além de causar a irritação da mucosa da vagina”, alerta Rogério.

 

Como se prevenir de corrimentos vaginais não saudáveis?

 

Mudar alguns hábitos na rotina pode ajudar a prevenir o surgimento de corrimentos vaginais não-saudáveis. O ginecologista dá algumas recomendações: “Calor em excesso aumenta secreções, deixa a área úmida e facilita proliferação de fungos. Por isso, evitar roupas apertadas no calor favorece a ventilação da região vaginal”, diz Rogério. O uso de biquínis e maiôs úmidos por muito tempo também deve ser moderado, assim como o tempo de permanência com o mesmo absorvente no período menstrual. “O tempo de uso não é determinado, mas por deixar a pele em contato com o fluido menstrual requer algumas trocas diárias para evitar proliferação de fungos e bactérias”, alerta o médico.

 

Absorventes fora do período menstrual devem ser evitados, pois deixam a vagina mais úmida, facilitando infecções. “Caso seja necessário, utilizar protetor diário respirável, ou seja, sem película plástica e com troca a cada 4 horas no mínimo”, finaliza Rogério.

 

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Dr. Rogério Leão - Ginecologista e Obstetra do IPGO (Inst. Paulista de Ginecologia e Obstetrícia) e Médico Assistente na área de Ginecologia do Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher (CAISM/ UNICAMP)
CRM: 104.152

 

SL_Arroba_turbante_Semprejunta

Symantic Display

  • SEGREDINHOS DE...
    SEGREDINHOS DE...
    Como fazer a depilação íntima corretamente para ir à praia. Confira dicas de uma ginecologista!
    Como fazer a depilação íntima corretamente para ir à praia. Confira dicas de uma ginecologista!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • Menstruação
    Menstruação
    A maneira certa para fazer a higiene íntima em dias de menstruação, segundo ginecologista
    A maneira certa para fazer a higiene íntima em dias de menstruação, segundo ginecologista
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Como cuidar da região íntima no verão: ginecologista explica como fazer a higiene feminina de forma correta
    Como cuidar da região íntima no verão: ginecologista explica como fazer a higiene feminina de forma correta
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Sabonete líquido para higiene da região íntima: dermatologista esclarece como usar o produto
    Sabonete líquido para higiene da região íntima: dermatologista esclarece como usar o produto
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Posso usar o chuveirinho para fazer a higiene íntima ou faz mal?
    Posso usar o chuveirinho para fazer a higiene íntima ou faz mal?
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Muito além da higiene íntima! Como cuidar da vagina no dia a dia para se manter livre de doenças e desconfortos
    Muito além da higiene íntima! Como cuidar da vagina no dia a dia para se manter livre de doenças e desconfortos
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Vai viajar? Tatá Werneck tem uma ótima dica para a sua higiene íntima durante a viagem. Confira!
    Vai viajar? Tatá Werneck tem uma ótima dica para a sua higiene íntima durante a viagem. Confira!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • Menstruação
    Menstruação
    Incômodo ao transar menstruada? Veja algumas dicas para quebrar este tabu!
    Incômodo ao transar menstruada? Veja algumas dicas para quebrar este tabu!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Como acabar com pelos encravados na região íntima? Veja dicas e como evitar
    Como acabar com pelos encravados na região íntima? Veja dicas e como evitar
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Higiene íntima fora de casa: o que fazer quando não posso trocar a roupa do corpo?
    Higiene íntima fora de casa: o que fazer quando não posso trocar a roupa do corpo?
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • bottom1_batom_Carefree

    tag_sempre_banner tag_sempre_banner_mob

    semprelivre_bottom1_dance_new

  • SE CUIDA!
    Lavar a calcinha no box é ruim? Confira dicas para cuidar de suas roupas íntimas!
    Você costuma lavar a calcinha no box e nem sabe se isso faz mal? Então é bom ficar de o..
  • SE CUIDA!
    Conheça 6 hábitos que podem causar corrimento vaginal e você nem sabia
    Você sabe o que causa corrimento vaginal? Alguns costumes da nossa rotina podem ser os pr..
  • SE CUIDA!
    Marcou consulta com o ginecologista? Listamos 6 coisas que você deve saber antes de ir!
    Uma coisa é certa: ir ao ginecologista pelo menos duas vezes ao ano é fundamental para a..
  • SE CUIDA!
    Você sabe qual é a diferença entre CAREFREE® TodoDia Flexi e CAREFREE® Proteção? Descubra e use os produtos da forma certa!
    Atualmente é comum passarmos o dia todo fora, mas do trabalho até a volta para casa muit..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • Menstruação
    5 situações que ninguém precisa passar por estar menstruada
    Quem nunca deixou de fazer educação física por estar menstruada? Ou cancelou aquele rolê...
    5 situações que ninguém precisa passar por estar menstruada
  • Menstruação
    Inchaço durante a menstruação: saiba como evitar o problema
    Durante o período menstrual é comum muitas mulheres perceberem um inchaço no corpo e...
    Inchaço durante a menstruação: saiba como evitar o problema
  • Menstruação
    5 reflexões para desmistificar alguns tabus da menstruação
    A menstruação faz parte da vida da maioria das mulheres, mas, mesmo assim, em pleno...
    5 reflexões para desmistificar alguns tabus da menstruação
  • Menstruação
    Aparelho reprodutor feminino e a menstruação: veja como ela acontece dentro do seu corpo
    O aparelho reprodutor feminino é o conjunto de órgão responsáveis pelo ciclo reprodutivo...
    Aparelho reprodutor feminino e a menstruação: veja como ela acontece dentro do seu corpo
  • VER TODAS >