Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

Cólica menstrual ou intestinal: como diferenciar?

Cólica menstrual ou intestinal: como diferenciar?

Tanto a cólica menstrual, quanto a cólica intestinal podem atingir o abdômen e causar dores de intensidade leve a moderada. Por isso, é comum confundir os dois tipos de cólicas. Para diferenciar os incômodos e, dessa forma, lidar com o problema da maneira mais adequada, é importante entender porque sentimos cólica menstrual e intestinal. Na dúvida, busque uma avaliação médica.

 

Cólica menstrual acontece durante a TPM e o período menstrual 

 

A grande responsável pela cólica menstrual é uma substância chamada prostaglandina. Ela estimula as contrações musculares do útero para que o endométrio (tecido que reveste as paredes intrauterinas) seja liberado em forma de sangue menstrual. Portanto, a dor de cólica só acontece no período pré-menstrual, conhecido como TPM, e durante a menstruação. 

 

Por isso, é normal sentir cólica antes da menstruação descer. A dor da cólica pode persistir até o término do período menstrual. Sua intensidade varia entre leve, moderada e intensa, surgindo como fortes pontadas no baixo ventre e podendo se estender ainda por todo o abdômen e a região lombar. Em algumas mulheres, o desconforto vem acompanhado de outros sintomas, como tontura, náusea e alterações intestinais (diarreia ou prisão de ventre). 

 

Cólica intestinal tende a acontecer na região abdominal ou na parte baixa da barriga

 

A cólica intestinal é uma dor leve ou moderada que acomete o “pé da barriga” ou a região do abdômen. Geralmente, ela está associada a contrações e relaxamentos do intestino e pode ser provocada por uma série de fatores, incluindo hábitos alimentares inadequados e falta de atividade física, que favorecem o surgimento de gases e constipação, ou até mesmo condições patológicas específicas, como as Doenças Inflamatórias do Intestino (DII), a Síndrome do Intestino Irritável (SII) e gastroenterites. 

 

No caso de doenças intestinais, a cólica pode aparecer em conjunto com outros sintomas mais graves, como constipação ou diarreia contínua, evacuação com sangue, vômitos e febre.  

 

Cólica menstrual e cólica intestinal: principais diferenças

 

O primeiro passo é observar o momento do mês em que a cólica está acontecendo. Como explicamos acima, a cólica menstrual é esperada durante a TPM e o período menstrual. Sentir cólica sem estar menstruada pode ser indicativo de cólica intestinal ou até mesmo representar outros distúrbios relacionados ao sistema reprodutivo da mulher, como a endometriose e a presença de pólipos e miomas uterinos. 

 

Observe também se há a existência de sintomas simultâneos. A cólica intestinal pode ser reflexo de condições como constipação (prisão de ventre) e presença de gases intestinais, que, normalmente, são favorecidos por uma alimentação inadequada (com pouca ingestão de fibras, por exemplo) e a baixa ingestão de água. 

 

Já a cólica menstrual tende a vir acompanhada de outros incômodos da TPM. Além dos já mencionados acima, podemos citar: irritabilidade, retenção de líquidos, sensibilidade mamária, aumento da oleosidade da pele, entre outros. 

 

De qualquer forma, ao notar a cólica fora do período menstrual, vale procurar um(a) médico(a) para investigar o que está acontecendo. 

semprelivre_bottom1_dance_new

  • Menstruação
    Posso ir à praia ou piscina menstruada? Saiba como curtir o verão sem neuras!
    Foi para um lugar de praia e ficou menstruada no meio da viagem? Não tem problema! Com a ..
  • Menstruação
    Veja 6 situações do dia a dia que quem sente muita cólica vai se identificar
    “Oi, sumida?!”. Todo mês as cólicas surgem de surpresa, como a mensagem daquele cari..
  • Menstruação
    Qual a diferença entre cobertura suave e seca? Saiba como escolher a ideal para você!
    Quem já se perguntou alguma vez por que existem taaaantas opções de absorventes diferen..
  • Menstruação
    Frescura? Sério? Pensamentos que passam pela sua cabeça quando alguém reclama da sua TPM
    Apesar da tensão pré-menstrual ser um momento só seu, todo mundo adora dar pitacos, né..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • Saúde da mulher
    SOP: sintomas e tratamentos da síndrome que atinge as mulheres
    A Síndrome do Ovário Policístico é uma disfunção hormonal que leva ao crescimento de...
    SOP: sintomas e tratamentos da síndrome que atinge as mulheres
  • SE CUIDA!
    5 tipos de depilação feminina: prós e contras de cada método
    A depilação íntima faz parte da vida de muitas mulheres. Para isso, é possível encontrar...
    5 tipos de depilação feminina: prós e contras de cada método
  • SE CUIDA!
    Corrimento ou lubrificação feminina? Saiba diferenciar as secreções vaginais
    Muitas pessoas ficam em dúvida sobre qual a diferença entre corrimento e secreção vaginal...
    Corrimento ou lubrificação feminina? Saiba diferenciar as secreções vaginais
  • SE CUIDA!
    Tabelinha: por que o método é falho e outras opções de anticoncepcionais com mais eficácia
    A tabelinha é um método contraceptivo natural baseado na análise do ciclo menstrual....
    Tabelinha: por que o método é falho e outras opções de anticoncepcionais com mais eficácia
  • VER TODAS >