Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

A candidíase é a infecção vaginal mais comum no verão. Entenda suas causas e principais sintomas!

A candidíase é a infecção vaginal mais comum no verão. Entenda suas causas e principais sintomas!

Candidíase vaginal, já ouviu falar? Entre muitas doenças que podem atingir a região íntima, essa é a mais comum! O quadro pode se manifestar em qualquer mulher porque os fatores desencadeadores da doença, quase sempre, estão inseridos na rotina delas e muitas nem percebem. No verão, então, a incidência dela é ainda maior. Para ficar livre do problema e curtir o verão do jeito que a estação merece, a ginecologista Carolina Ambrogini explica como isso acontece e qual é a melhor prevenção para candidíase.


A candidíase é muito comum no verão!

 

A infecção por candidíase é causada pelo acúmulo de microrganismos que normalmente ficam na região íntima, mas em pequena quantidade. “Quando há um desequilíbrio da flora vaginal, o fungo tende a se proliferar, gerando a candidíase”, explica a médica. Por isso que é tão comum que a doença apareça. Ela pode ser causada quando há uma queda da imunidade no organismo, quando há o uso de antibióticos e ainda por infecções gastrointestinais.

 

Mas, principalmente, a doença é muito comum durante o verão. Isso acontece por conta do calor. Assim, há mais transpiração na região íntima, deixando a área úmida e propícia para o acúmulo dos fungos. Manter a região constantemente molhada ou úmida por muito tempo, com o uso de roupas de banho em piscina ou praia, também pode influenciar o aparecimento dela.

 

Coceira é o principal sintoma da candidíase

 

A candidíase tem sintomas bem únicos. O diagnóstico é bem simples porque a própria paciente consegue detectá-los. O principal é a coceira, que pode ser acompanhado de uma irritação e dor durante relações sexuais. “Também pode acontecer um corrimento branco em pedaços, semelhantes a ‘nata de leite’”, comenta a especialista. Percebendo qualquer uma dessas manifestações, é super importante se consultar com o ginecologista.

 

Como se prevenir da candidíase durante o verão?

 

Aproveitar o verão com os amigos na praia e piscina é muito bom, mas é preciso ter os cuidados com a região íntima. Para se prevenir da candidíase, é só realizar a higienização correta e seguir as recomendações dos profissionais. Além de não ficar com o biquíni molhado por muito tempo, também é bom se atentar ao guarda-roupa. “Como o fungo gosta de lugares quentes e úmidos, é indicado usar roupas mais soltas e arejadas para que o suor não se acumule na região genital”, aconselha a ginecologista.

 

O tratamento da candidíase é simples

 

Como é uma infecção bem comum, os profissionais já estão bem preparados para tratá-las. Normalmente, o tratamento de candidíase é feito com a utilização de pomadas específicas ou de medicamentos de dose única. Mas, a paciente deve ter atenção com os hábitos durante o verão. Durante o quadro de candidíase deve-se evitar o contato com a água do mar e da piscina. Além disso, está proibido ter relações sexuais. Não se esqueça de se consultar com um ginecologista para garantir a melhor forma de tratamento para o seu caso.

 

Esta publicação teve a contribuição do especialista:

Dra. Carolina Ambrogini - Ginecologista

CRM: 102706-SP

 

SL_Arroba_turbante_Semprejunta

Symantic Display

  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Candidíase é mais comum no verão. Saiba como se prevenir e manter a saúde íntima em dia
    Candidíase é mais comum no verão. Saiba como se prevenir e manter a saúde íntima em dia
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Assaduras são mais comuns no verão. Entenda as causas e como se prevenir
    Assaduras são mais comuns no verão. Entenda as causas e como se prevenir
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Menina virgem pode ter candidíase? Ginecologista explica as causas da infecção vaginal
    Menina virgem pode ter candidíase? Ginecologista explica as causas da infecção vaginal
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Quais são as principais causas de uma infecção vulvovaginal? Conheça e previna-se!
    Quais são as principais causas de uma infecção vulvovaginal? Conheça e previna-se!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Infecção urinária: quais são as principais causas do problema e como se prevenir?
    Infecção urinária: quais são as principais causas do problema e como se prevenir?
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Minipílula anticoncepcional: entenda mais sobre esse método e seus efeitos no corpo
    Minipílula anticoncepcional: entenda mais sobre esse método e seus efeitos no corpo
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Corrimento, coceira e mau odor: veja os principais sintomas de uma infecção vaginal
    Corrimento, coceira e mau odor: veja os principais sintomas de uma infecção vaginal
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    O sobrepeso pode aumentar os riscos de candidíase vaginal? Entenda!
    O sobrepeso pode aumentar os riscos de candidíase vaginal? Entenda!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • Menstruação
    Menstruação
    Amenorreia: entenda mais sobre a ausência da menstruação e como se cuidar
    Amenorreia: entenda mais sobre a ausência da menstruação e como se cuidar
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • SE CUIDA!
    SE CUIDA!
    Calcinha de algodão: entenda por que, no ponto de vista dos ginecologistas, ela é a mais indicada
    Calcinha de algodão: entenda por que, no ponto de vista dos ginecologistas, ela é a mais indicada
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • Bottom_OB_celebration

    tag_sempre_banner tag_sempre_banner_mob

    semprelivre_bottom1_dance_new

  • Menstruação
    Posso ir à praia ou piscina menstruada? Saiba como curtir o verão sem neuras!
    Foi para um lugar de praia e ficou menstruada no meio da viagem? Não tem problema! Com a ..
  • Menstruação
    Veja 6 situações do dia a dia que quem sente muita cólica vai se identificar
    “Oi, sumida?!”. Todo mês as cólicas surgem de surpresa, como a mensagem daquele cari..
  • Menstruação
    Qual a diferença entre cobertura suave e seca? Saiba como escolher a ideal para você!
    Quem já se perguntou alguma vez por que existem taaaantas opções de absorventes diferen..
  • Menstruação
    Frescura? Sério? Pensamentos que passam pela sua cabeça quando alguém reclama da sua TPM
    Apesar da tensão pré-menstrual ser um momento só seu, todo mundo adora dar pitacos, né..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • PRIMEIRA VEZ
    Já ouviu falar em flatos vaginais? Não se assuste, é normal e eles podem acontecer com qualquer mulher
    Assunto que causa constrangimento em muitas mulheres, os flatos vaginais são sons...
    Já ouviu falar em flatos vaginais? Não se assuste, é normal e eles podem acontecer com qualquer mulher
  • SE CUIDA!
    Sangramento fora do período menstrual: quando isso deve ser uma preocupação?
    Um sangramento fora do período menstrual pode ser considerado normal em dois casos: o...
    Sangramento fora do período menstrual: quando isso deve ser uma preocupação?
  • Menstruação
    Menstruação sincronizada: já ouviu falar? Descubra se é verdade ou mito
    Menstruação sincronizada pode ser uma crença popular, mas pode ser um atestado de amizade...
    Menstruação sincronizada: já ouviu falar? Descubra se é verdade ou mito
  • Menstruação
    Menstruada, mas sequinha: SEMPRE LIVRE® Adapt Plus com cobertura seca proporciona rápida absorção
    O que é importante para você em um absorvente? Nem sempre paramos para pensar o quanto a...
    Menstruada, mas sequinha: SEMPRE LIVRE® Adapt Plus com cobertura seca proporciona rápida absorção
  • VER TODAS >