Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

Candidíase no homem pode passar para a mulher na relação sexual?

Candidíase no homem pode passar para a mulher na relação sexual?

A candidíase genital é uma infecção provocada pela proliferação excessiva do fungo Candida sp., que habita naturalmente o organismo de homens e mulheres em pequenas quantidades. Embora não seja uma DST, a candidíase é transmissível e pode ser passada do homem para a mulher durante a relação sexual. Geralmente, essa transmissão acontece quando a parceira já apresenta alguma predisposição para a candidíase, como sistema imunológico enfraquecido ou alterações no pH vaginal.

 

Veja também: Candidíase é uma DST?

 

Conversamos com a ginecologista Paula Bortolai Martins Araujo para entender melhor como a candidíase no homem pode favorecer o desenvolvimento da infecção vaginal nas mulheres e qual é a melhor forma de tratamento. Confira!

 

O que é candidíase e como ela se manifesta nos homens? Saiba mais!

 

Se relacionar sexualmente com uma pessoa que esteja com candidíase genital pode desencadear a infecção, no entanto, é um erro acreditar que a candidíase é DST (Doença Sexualmente Transmissível). De acordo com a ginecologista, a candidíase é uma doença íntima “causada por um fungo que se prolifera quando as condições de temperatura, umidade e pH estão favoráveis [para a sua multiplicação]”. Como este fungo causador da candidíase já está naturalmente presente no organismo de homens e mulheres, a doença não é considerada uma DST. 

 

Veja também: Menina virgem pode ter infecção vaginal?

 

“Apesar de não ser tão comum, como entre as mulheres, os homens também podem ter candidíase e, inclusive, ela pode não ter nenhuma relação com a atividade sexual”, explica a doutora Paula Bortolai Martins Araujo. 

 

Sintomas da candidíase genital no homem:  

 

  • Vermelhidão;

  • Fissuras na pele;

  • Ardência; 

  • Coceira;

  • Placas brancas;

  • Aparecimento de pequenas bolinhas no pênis;

  • Dificuldade para urinar e ter relações sexuais;

 

Além da região genital, assim como a candidíase na mulher, a candidíase masculina também pode atingir outras partes do corpo, como a região entre os dedos do pé, virilha e boca. A candidíase oral, inclusive, é mais frequente em crianças. Quando a doença acomete adultos, é sinal de que o sistema imunológico está enfraquecido

 

Por isso, entre os fatores que podem favorecer o surgimento da doença nos homens, estão o uso de antibióticos (que podem diminuir a defesa do corpo) e doenças que afetam a imunidade, como diabetes e HIV, por exemplo. Falta de higiene e sexo sem camisinha com um(a) parceiro(a) infectado(a) também facilitam a proliferação do fungo e, portanto, devem ser evitados. 

 

Veja também: Sintomas da candidíase: aprenda a identificar a infecção vaginal

 

Candidíase no homem pode ser transmitida para a mulher durante a relação sexual sem camisinha

 

A candidíase na mulher não tem, necessariamente, relação com a atividade sexual sem proteção. Entretanto, o contato íntimo com um homem infectado pode, sim, levar ao aparecimento da doença nas mulheres (principalmente, se a mulher já estiver mais suscetível à infecção). 

 

“A candidíase não é considerada uma DST, mas, pode ocorrer infecção devido ao contato próximo na relação sexual quando a parceira tiver alguma predisposição (alteração no pH, diabetes, queda na imunidade, entre outros)”, esclarece a médica. Tendo isso em vista, para evitar a candidíase e outras infecções vaginais, o melhor a se fazer é adotar hábitos saudáveis e manter um acompanhamento ginecológico regular. 

 

Sexo sem proteção com parceiro infectado favorece a candidíase de repetição

 

A candidíase recorrente é caracterizada por mais de quatro episódios da doença dentro de apenas um ano. De acordo com a ginecologista, o contato íntimo com um parceiro infectado pode estar entre as causas dessa repetição. Porém, também é preciso levar em consideração outras questões. 

 

“Outros fatores também devem ser avaliados, pois, se a mulher estiver com a imunidade boa, com higiene adequada e flora vaginal rica em lactobacilos, fica mais difícil a proliferação do fungo e a infecção. Além disso, no homem, é raro a candidíase ser assintomática; o homem percebe vermelhidão, coceira e pequena bolinhas no pênis que, geralmente, o levam a procurar por ajuda médica e tratamento adequado [antes de contaminar a mulher]”, orienta a profissional. 

 

Dito isto, ao notar sintomas de candidíase masculina, o ideal é procurar um(a) médico(a) e evitar a relação sexual desprotegida até que o tratamento seja concluído. 

 

Tratamento para candidíase inclui o uso de medicamentos antifúngicos e mudanças de hábitos

 

“O tratamento [para candidíase] é feito com antifúngicos e, principalmente, com mudanças de hábitos que ajudam a evitar a proliferação do fungo, como, por exemplo, cuidados com limpeza das roupas íntimas, uso de tecidos de algodão [nas calcinhas e cuecas], evitar ficar muito tempo com a roupa íntima molhada ou suada, se alimentar bem e manter a imunidade em dia”, indica a doutora Paula Bortolai Martins Araujo. 

 

Em casos de candidíase recorrente, o tratamento pode ser diferenciado. Por essa e outras razões, a avaliação de um(a) especialista é fundamental. 

 

Veja também: Candidíase vaginal recorrente: saiba como se proteger de infecções vaginais

 

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Dra. Paula Bortolai Martins Araujo, Ginecologista-obstetra do IPGO – Instituto Paulista de Ginecologia e Obstetrícia

CRM: 127.101

SL_Arroba_turbante_Semprejunta

Symantic Display

  • A MÚSICA ME MOVE
    A MÚSICA ME MOVE
    10 músicas nacionais sobre empoderamento feminino que toda mulher precisa ouvir
    10 músicas nacionais sobre empoderamento feminino que toda mulher precisa ouvir
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • Dica de amiga
    Dica de amiga
    O que levar na bolsa para passar o dia inteiro no Rock in Rio?
    O que levar na bolsa para passar o dia inteiro no Rock in Rio?
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • Menstruação
    Menstruação
    Menstruação fraca pode ser sinal de ciclo anovulatório. Veja 7 causas para a anovulação!
    Menstruação fraca pode ser sinal de ciclo anovulatório. Veja 7 causas para a anovulação!
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • PRIMEIRA VEZ
    PRIMEIRA VEZ
    Já ouviu falar em flatos vaginais? Não se assuste, é normal e eles podem acontecer com qualquer mulher
    Já ouviu falar em flatos vaginais? Não se assuste, é normal e eles podem acontecer com qualquer mulher
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • PODEROSAS
    PODEROSAS
    4 mulheres poderosas - e que fazem a diferença - para você se tornar fã hoje mesmo
    4 mulheres poderosas - e que fazem a diferença - para você se tornar fã hoje mesmo
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • PRIMEIRA VEZ
    PRIMEIRA VEZ
    Dor na vagina após a primeira relação sexual é normal? 4 motivos que podem levar ao desconforto
    Dor na vagina após a primeira relação sexual é normal? 4 motivos que podem levar ao desconforto
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • Menstruação
    Menstruação
    No Dia da Mulher, SEMPRE LIVRE® lança campanha para naturalizar a menstruação. Assista ao vídeo
    No Dia da Mulher, SEMPRE LIVRE® lança campanha para naturalizar a menstruação. Assista ao vídeo
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • PODEROSAS
    PODEROSAS
    Tem mulher poderosa no piano! Conheça o trabalho da pianista brasileira Juliana D’Agostini
    Tem mulher poderosa no piano! Conheça o trabalho da pianista brasileira Juliana D’Agostini
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • PRIMEIRA VEZ
    PRIMEIRA VEZ
    É normal sentir dor na primeira relação sexual?
    É normal sentir dor na primeira relação sexual?
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • PODEROSAS
    PODEROSAS
    5 filmes e documentários sobre mulheres reais para você assistir no fim de semana
    5 filmes e documentários sobre mulheres reais para você assistir no fim de semana
    icon term
    icon pink
    icon green
    icon blue
  • semprelivre_bottom1_dance_new

  • SE CUIDA!
    Lavar a calcinha no box é ruim? Confira dicas para cuidar de suas roupas íntimas!
    Você costuma lavar a calcinha no box e nem sabe se isso faz mal? Então é bom ficar de o..
  • SE CUIDA!
    Conheça 6 hábitos que podem causar corrimento vaginal e você nem sabia
    Você sabe o que causa corrimento vaginal? Alguns costumes da nossa rotina podem ser os pr..
  • SE CUIDA!
    Marcou consulta com o ginecologista? Listamos 6 coisas que você deve saber antes de ir!
    Uma coisa é certa: ir ao ginecologista pelo menos duas vezes ao ano é fundamental para a..
  • SE CUIDA!
    Você sabe qual é a diferença entre CAREFREE® TodoDia Flexi e CAREFREE® Proteção? Descubra e use os produtos da forma certa!
    Atualmente é comum passarmos o dia todo fora, mas do trabalho até a volta para casa muit..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • Menstruação
    5 posições que podem ajudar a aliviar cólica menstrual
    A cólica menstrual é uma consequência das contrações que o útero faz para expelir a...
    5 posições que podem ajudar a aliviar cólica menstrual
  • Menstruação
    Menstruação com cheiro forte é normal?
    A menstruação com cheiro forte é sempre um sinal de alerta. Normalmente, ela está...
    Menstruação com cheiro forte é normal?
  • Menstruação
    Infográfico mostra como acontece a menstruação
    O período menstrual é um processo conhecido por todas as mulheres em idade fértil, ou...
    Infográfico mostra como acontece a menstruação
  • Menstruação
    Menstruação irregular tomando anticoncepcional: o que pode ser?
    A pílula anticoncepcional interrompe a produção hormonal natural da mulher e passa a...
    Menstruação irregular tomando anticoncepcional: o que pode ser?
  • VER TODAS >