Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

Ardência após relação e sangramento: o que pode ser?

Ardência após relação e sangramento: o que pode ser?

Muitas mulheres se queixam de ardência e sangramento após a relação sexual. No entanto, não é normal sentir esse tipo de incômodo, já que o próprio corpo encontra formas de tornar o ato prazeroso e confortável do início ao fim. Por isso, qualquer desconforto no final da relação deve ser investigado.

 

Normalmente, o problema está associado a baixa lubrificação, fator que pode causar dor e sangramento por conta do atrito do pênis no canal vaginal. Em outros casos, a ardência após a relação sexual e sangramento também podem ser um sinal de  irritação, inflamação ou lesão no colo do útero ou vagina, alergias e atrofia genital.

 

Conversamos com a Dra. Rafaela Batisti Nery, ginecologista da Perinatal, sobre as principais causas de ardência e sangramento após a relação sexual e como resolver a questão. 

 

 

Conheça as principais causas de ardência e sangramento após a relação sexual 

 

1. Baixa lubrificação

 

De acordo com a ginecologista, é comum que a mulher sinta uma leve ardência após a relação sexual. A médica explica que o ato pode causar pequenos traumas na região genital, principalmente quando a mulher não apresenta uma lubrificação adequada. “Essa é a principal causa de ardência vaginal após relação. Todavia, essa irritabilidade também pode significar alergia a preservativos ou lubrificantes, infecções vaginais ou urinárias e atrofia genital”, diz.

 

 

2. Hipoestrogenismo ou secura vaginal

 

O hipoestrogenismo é uma condição que ocorre quando os níveis de estrogênio no organismo estão muito abaixo do normal, o que prejudica a produção de lubrificação vaginal e causa dor na hora do sexo e ardência após o ato. O hipoestrogenismo é popularmente conhecido como secura vaginal e pode levar inclusive a ocorrência de sangramento por conta do atrito do pênis com a vagina. 

 

 

3. Traumas ou pequenos cortes

 

Ardência e sangramento após o sexo podem ser provocado por movimentos bruscos durante o ato. O incômodo é apenas resultado de uma relação sexual muito intensa. Durante a penetração, o atrito entre o pênis e a vagina quando feito de forma mais brusca pode acabar machucando as paredes vaginais, pois o órgão é muito sensível. Não é à toa que o próprio organismo produz lubrificação para  facilitar o momento da penetração e torná-la mais prazerosa para a mulher. 

 

Para resolver o problema, procure conversar com o seu parceiro e diga o desconforto que você está sentindo. Procure fazer movimentos menos intensos, pois mesmo que na hora você não sinta nenhuma dor, não é normal ter sangramentos e ardência ao terminar. 

 

Segundo a médica, nem sempre o sangramento vem acompanhado de outros incômodos, como dor e ardência. Mesmo assim, a mulher deve ficar atenta, especialmente quando ocorre com frequência. 

 

 

4. IST (Infecções Sexualmente Transmissíveis

 

Ardência e sangramento após o sexo pode ser um alerta para infecções cervicais não diagnosticadas. As IST (Infecções Sexualmente Transmissíveis) deixam a mucosa vaginal e o colo uterino sensíveis e os pequenos traumas da relação sexual podem otimizar o sangramento”, explica.

 

 

Como acabar com a ardência e sangramentos após a relação sexual 

 

Quadros de ardência e sangramentos após o sexo são tratados de acordo com a causa. 

 

  • Segundo a médica, quando o problema é a falta de lubrificação, uma boa alternativa é que a mulher encontre uma maneira de aumentar o estímulo sexual, já que ela é produzida de forma natural como resposta a excitação. A médica também indica o uso de lubrificantes artificiais a base de água e sem corantes. Quando há necessidade de um tratamento medicamentoso, os ginecologistas costumam indicar o uso de creme ou gel vaginal para aumentar a lubrificação.

 

  • Quando a ardência e sangramento após a relação sexual são provocados por infecções, lesões e inflamações, os sintomas são tratados diretamente pela causa. Neste caso, o indicado é que a paciente evite ter relações sexuais durante o tratamento, pois a  região íntima está mais sensível. 

 

  • Quando existe a suspeita de que o incômodo seja  uma reação alérgica, o indicado é trocar o tipo de camisinha utilizada durante a relação. Algumas mulheres têm alergia ao látex, por isso, o ideal é investir em preservativos que sejam feitos com outros materiais, como o poliuretano. 

 

Não deixe de consultar um ginecologista ao perceber qualquer incômodo durante o sexo. Seu bem estar deve sempre estar em primeiro lugar. 

 

 

Este artigo tem a contribuição da especialista:

Dra Rafaela Batisti, ginecologista e obstetra da Perinatal

CRM RJ 52-109.017-8

 

semprelivre_bottom1_dance_new

  • SEGREDINHOS DE MULHER
    Cravos no nariz: saiba como os pontinhos pretos aparecem na sua pele e como se livrar deles
    Sabe aqueles pontinhos escuros que vez ou outra surgem na nossa pele? Eles são chamados d..
  • SEGREDINHOS DE MULHER
    Aprenda 5 truques de maquiagem que vão levantar sua autoestima!
    Sabe aqueles dias que você não acorda muito satisfeita com o espelho? Ou quando você es..
  • SEGREDINHOS DE MULHER
    Confira 4 dicas para ter unhas fortes e saudáveis!
    Ter unhas bonitas não é uma tarefa tão simples como parece, né? Mas com cuidado a gent..
  • SEGREDINHOS DE MULHER
    Vai sair com um boy novo? Veja 8 dicas para um encontro perfeito!
    Pode ser aquela pessoa que pega o mesmo transporte que você todos os dias ou o garoto da ..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • Quiz
    Você conhece as principais ISTs? Faça o teste e descubra!
    As ISTs são um grupo de infecções que têm como principal via de transmissão o sexo. Elas...
    Você conhece as principais ISTs? Faça o teste e descubra!
  • Quiz
    Você conhece as principais ISTs? Faça o teste e descubra!
    As ISTs são um grupo de infecções que têm como principal via de transmissão o sexo. Elas...
    Você conhece as principais ISTs? Faça o teste e descubra!
  • Menstruação
    Sinto cólicas mas minha menstruação não desce. É normal?
    A cólica é um sintoma que normalmente é associado à chegada da menstruação. No entanto,...
    Sinto cólicas mas minha menstruação não desce. É normal?
  • Menstruação
    Sinto cólicas mas minha menstruação não desce. É normal?
    A cólica é um sintoma que normalmente é associado à chegada da menstruação. No entanto,...
    Sinto cólicas mas minha menstruação não desce. É normal?
  • VER TODAS >