Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

Ardência após a relação sexual: o que pode ser?

Ardência após a relação sexual: o que pode ser?

Começar a vida sexualé um momento marcante na vida da garota. A primeira vez pode não acontecer como nos filmes de romance, mas o importante é que você esteja segura. Para completar, ter as visitas regulares ao ginecologista são essenciais. Assim, é possível tirar todas as dúvidas sobre esse momento (nada de vergonha de perguntar!) e entender o que está acontecendo. Entretanto, perceber uma ardência após a relação sexual pode acabar preocupando sua cabeça. Para entender melhor esse sintoma, a ginecologista Camila Ramos tirou essa dúvida e trouxe explicações sobre o assunto.

 

A ardência após a relação sexual é normal?

 

Assim como explica a médica, é comum que a mulher sinta uma ardência na vagina após a relação sexual. Isto acontece, principalmente, como resultado de alguma fissura na região, que pode ocorrer durante o momento íntimo do casal. “Porém, não costuma durar mais de 1 dia”, esclarece ela. No caso de você continuar sentindo a ardência, mesmo após esse período indicado, é importante marcar uma consulta. “Se o sintoma for recorrente, precisa ser examinado para avaliação ginecológica”, completa Dra. Camila.

 

A ardência pode ser sinal de infecção?

 

Quando a mulher apresenta sintomas relacionados à sua região íntima, o primeiro pensamento que vem à cabeça é algum problema na área. No caso da ardência após a relação sexual, como destacado acima, observe se o sintoma persistirá ou não. “Se houver ardência intensa e secreção com cheiro diferente, deve ser avaliada pelo ginecologista, para analisar possível infecção vaginal”, explica a profissional.

 

Outro quadro possível e comum entre o público feminino é perceber uma ardência ao urinar. Nessas situações, a ginecologista alerta que pode ser uma infecção urinária pós-coito. Assim como nos outros casos, se o sintoma persistir é de suma importância procurar o médico. Marque uma consulta para fazer uma avaliação de sua saúde e exame ginecológico.

 

Este artigo contou com a colaboração do especialista:
Dra. Camila Ramos, ginecologista e obstetra da Policlínica Granato
CRM: 5295691-0

Bottom_OB_celebration

tag_sempre_banner tag_sempre_banner_mob

semprelivre_bottom1_dance_new

  • SE CUIDA!
    Lavar a calcinha no box é ruim? Confira dicas para cuidar de suas roupas íntimas!
    Você costuma lavar a calcinha no box e nem sabe se isso faz mal? Então é bom ficar de o..
  • SE CUIDA!
    Conheça 6 hábitos que podem causar corrimento vaginal e você nem sabia
    Você sabe o que causa corrimento vaginal? Alguns costumes da nossa rotina podem ser os pr..
  • SE CUIDA!
    Marcou consulta com o ginecologista? Listamos 6 coisas que você deve saber antes de ir!
    Uma coisa é certa: ir ao ginecologista pelo menos duas vezes ao ano é fundamental para a..
  • SE CUIDA!
    Você sabe qual é a diferença entre CAREFREE® TodoDia Flexi e CAREFREE® Proteção? Descubra e use os produtos da forma certa!
    Atualmente é comum passarmos o dia todo fora, mas do trabalho até a volta para casa muit..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • SE CUIDA!
    Assadura na virilha? Veja como prevenir e tratar o incômodo
    A assadura na virilha feminina pode coçar, arder, causar feridas na pele da região e...
    Assadura na virilha? Veja como prevenir e tratar o incômodo
  • SE CUIDA!
    A pílula do dia seguinte funciona no período fértil?
    A pílula do dia seguinte é um método de emergência que só deve ser utilizado em casos...
    A pílula do dia seguinte funciona no período fértil?
  • Menstruação
    Período fertil: sintomas emocionais podem estar associados à ovulação
    Você sabia que, assim como a TPM (Tensão Pré-Menstrual), o período fértil também provoca...
    Período fertil: sintomas emocionais podem estar associados à ovulação
  • SE CUIDA!
    O que pode causar escape menstrual?
    É normal ter escape menstrual em circunstâncias específicas, como quando a mulher é...
    O que pode causar escape menstrual?
  • VER TODAS >