Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

7 coisas que você precisa saber sobre os pelos pubianos femininos

7 coisas que você precisa saber sobre os pelos pubianos femininos

Os pelos pubianos femininos são pelos grossos localizados na região íntima, mais especificamente na vulva (região externa e frontal da vagina) e na virilha. O surgimento deles é marcado pela puberdade, fase em que o corpo da menina passa por transformações que sinalizam o amadurecimento sexual da mulher. Os pelos púbicos, portanto, costumam aparecer entre 9 a 12 anos e têm a importante função de proteger a entrada da vagina. Muito além disso, há muitas curiosidades que não sabemos sobre eles. Você sabia que a cor dos pelos pubianos pode ser completamente diferente da coloração dos pelos do resto do corpo? Confira a lista com 7 curiosidades sobre os pelos pubianos.

 

1) Os pelos pubianos atuam como defesa do organismo

 

Os pelos pubianos estão na região íntima não é à toa. Eles funcionam como barreira para proteger a sua saúde íntima de agentes estranhos, ajudando a evitar infecções bacterianas. De uma certa forma, os pelos pubianos também pode ajudar a prevenir as mulheres de DSTs. Quando depilamos essa proteção por inteira, seja com a lâmina ou com a cera, ficamos mais suscetíveis à contaminação de doenças sexualmente transmissíveis como herpes e HPV. Apesar do reforço, a camisinha continua sendo a principal e mais indicada forma de proteção contra DSTs.

 

2) A cor dos pelos pubianos pode ser diferente do resto do corpo

 

Uma curiosidade sobre os pelos pubianos é que nem sempre eles têm a mesma cor dos pelos de outras partes do corpo. Quem é responsável pela coloração deles é a melanina, uma proteína presente em todo o corpo que dá a pigmentação à nossa pele, olhos, pelos e cabelo. No entanto, ela pode estar presente em maior quantidade em algumas áreas do que em outras e, assim, fazer com que a cor dos pelos pubianos se diferencie de outras áreas do corpo.

 

3) Você não deve descolorir os pelos pubianos

 

Alterar a cor dos seus pelos não é recomendada por dermatologistas. O problema está nos compostos químicos presentes nos descolorantes de pelos, que podem ter substâncias prejudiciais à pele. E, como os pelos pubianos se situam na região íntima, naturalmente mais delicada e suscetível à infecções, o cuidado deve ser ainda maior para evitar quadros como ardência, alergias e irritações.

 

4) Ao atingir determinado comprimento, eles param de crescer

 

Nosso cabelo pode crescer até o chão, se for o caso. Mas não é bem assim que funciona com os pelos. Depois de atingir um comprimento determinado pela genética, eles simplesmente param de crescer. Já quando cortamos o pelo, o crescimento continua a partir daquele ponto para tentar chegar nesse comprimento específico. Depois de uma certa idade, os pelos também começam a cair.

 

5) Ter pelos pubianos não significa falta de higiene

 

Um dos maiores mitos relacionados aos pelos pubianos é que a sua presença indica falta de higiene. Essa relação, porém, não é correta. Na verdade, os pelos não influenciam a higiene, mas, sim, a falta de limpeza nos órgão genitais e, para as mulheres, nas dobrinhas da vulva. É nessa região que a umidade e bactérias podem se acumular. Por isso, lave-a com bastante cuidado com sabonete líquido íntimo uma vez ao dia.

 

6) Algumas irritações podem aparecer ao depilar os pelos pubianos

 

Após a depilação, com o cera ou com a lâmina, é importantíssimo ter alguns cuidados com a região para evitar irritações naturais da pele. A recomendação dos profissionais é utilizar hidratante com ação calmante para prevenir inflamações. Além disso, é importante manter a área limpa e seca e evitar exercícios físicos, para que não aconteça tanta fricção entre as roupas e a pele.

 

7) Raspar os pelos pubianos não os engrossa

 

É muito comum ter a impressão de que os pelos pubianos engrossaram depois de serem raspados com lâmina. E não é mentira: a ponta dos pelos são mais finas e o resto e o comprimento mais grosso. Assim, quando cortamos os pelos, eles parecem ter “nascido” mais espessos, mas isso é apenas a continuação do fio. Segundo os profissionais, a única maneira de deixar os pelos mais finos é com a depilação a laser.

 

semprelivre_bottom1_dance_new

  • A MÚSICA ME MOVE
    Sem tempo de ir à academia? Veja 5 canais no Youtube para dançar e queimar calorias em casa
    Trabalhar, se divertir, dormir direito e ainda se preocupar com a saúde… Ufa! Taí uma ..
  • A MÚSICA ME MOVE
    12 músicas para animar sua viagem de férias na praia com amigos
    Com o verão rolando, nada melhor do que viajar com os amigos e curtir uns dias na praia. ..
  • A MÚSICA ME MOVE
    Conheça Kiana Léde, a menina que está bombando no Youtube com versões acústicas de hits!
    Já ouviu algum cover de Kiana Ledé? Não? Então fica a dica: procura o canal dela no Yo..
  • A MÚSICA ME MOVE
    Ouvir música, dançar, ler: 5 coisas que você pode fazer para esquecer a TPM!
    A gente já falou por aqui que a TPM é supernormal e toda mulher tem, pelo menos, algum s..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • SE CUIDA!
    Adesivo anticoncepcional: 10 dúvidas sobre o método contraceptivo
    O adesivo anticoncepcional ou patch anticoncepcional é um método contraceptivo hormonal...
    Adesivo anticoncepcional: 10 dúvidas sobre o método contraceptivo
  • SE CUIDA!
    Pode usar pomada vaginal menstruada? Veja quais são os principais cuidados durante o tratamento ginecológico
    Embora boa parte das mulheres já saiba para que serve a pomada vaginal, ainda existem...
    Pode usar pomada vaginal menstruada? Veja quais são os principais cuidados durante o tratamento ginecológico
  • Menstruação
    "Como é o sangue da primeira menstruação?" Tire 8 dúvidas sobre a menarca
    A primeira menstruação (nome científico: menarca) marca o fim da puberdade e o início da...
    "Como é o sangue da primeira menstruação?" Tire 8 dúvidas sobre a menarca
  • SE CUIDA!
    Posso fazer transvaginal menstruada? Tire suas dúvidas sobre o exame ginecológico
    A ultrassonografia transvaginal (ou ultrassom transvaginal) é um exame de imagem usado...
    Posso fazer transvaginal menstruada? Tire suas dúvidas sobre o exame ginecológico
  • VER TODAS >