Skip to main content

Header Social Network

SIGA NOSSAS REDES!
Home

Header Right Logoes

INSPIRADO POR:

10 sintomas de infecção urinária para ficar atenta e procurar um médico

10 sintomas de infecção urinária para ficar atenta e procurar um médico

A infecção urinária geralmente é causada pela entrada de bactérias que se proliferam no sistema urinário através da uretra. Embora também aconteça com os homens, a condição é mais frequente em mulheres devido à anatomia feminina que faz a uretra ser localizada próxima ao ânus, facilitando a entrada de bactérias intestinais.

 

Veja também: Infecção urinária: o que é e quais são as principais causas

 

Os sintomas de infecção urinária mais comuns são ardência ao urinar, muita vontade de urinar (mesmo sem ter urina para expelir) e a presença de urina com cheiro forte e amarela escura. O quadro varia de acordo com o tipo de infecção urinária em questão, já que o processo inflamatório pode atingir diferentes partes do trato urinário, como os rins, a bexiga, os ureteres e a uretra. 

 

A seguir, veja quais são os principais sintomas de infecção urinária

 

  • Dor ao urinar;

  • Vontade frequente de fazer xixi;

  • Urinar pouco;

  • Urina com odor forte;

  • Urina escura;

  • Sangue na urina;

  • Dores locais (na bexiga, na parte inferior do abdômen, na pélvis ou na região genital);

  • Dor durante a relação sexual;

  • Incontinência urinária;

  • Ardência ao urinar após relação sexual;

 

Esses sintomas podem aparecer juntos ou isolados e variar em grau de intensidade, dependendo do tipo de infecção urinária. 

 

Causas da infecção urinária 

 

A infecção urinária é decorrente da entrada de bactérias intestinais através da uretra. Essas bactérias se proliferam no sistema urinário e dão origem à infecção. Nas mulheres, a pouca distância entre a uretra e o ânus é um dos fatores que facilitam a condição, assim como a menopausa (que é caracterizada por uma baixa nos níveis de estrogênio, um dos hormônios responsáveis por proteger o trato urinário). Porém, essas não são as únicas causas associada à infecção urinária. Pessoas com diabetes também estão mais sujeitas a desenvolver o problema devido às altas taxas de açúcar no organismo. 

 

Aprática de relação sexual (principalmente sem o uso de preservativo) e a higiene íntima incorreta são hábitos que favorecem a entrada de bactérias intestinais no trato urinário e, consequentemente, podem levar à infecção. Nos homens acima dos 50 anos de idade, o crescimento da próstata e a consequente retenção de urina na bexiga também são fatores que podem provocar o transtorno. 

 

Tipos de infecção urinária e como tratar

 

Cistite: é o tipo mais comum e ocorre quando a infecção atinge a bexiga ou o trato urinário inferior. Nestes casos, os sintomas mais comuns são pouca urina, desconforto na bexiga e ardência ao urinar. A cistite pode se curar sozinha ou ser tratada com antibióticos;

 

Uretrite: é a infecção urinária que acontece no canal da uretra. A uretrite pode ser causada por infecção bacteriana ou viral (associada a Infecções Sexualmente Transmissíveis). Os sintomas podem incluir dor para urinar, micção frequente, dor na região pélvica e, às vezes, corrimento vaginal. Geralmente, o tratamento é feito por meio de antibióticos;

 

Pielonefrite: ocorre quando a infecção atinge os rins. A pielonefrite é mais grave e deve ser tratada o quanto antes, pois pode comprometer o funcionamento dos rins ou se espalhar pela corrente sanguínea, levando o(a) paciente a óbito. O tratamento é feito com medicamentos antibióticos e, dependendo do caso, pode ser necessária a hospitalização. Seus sintomas típicos são dor nas costas ou na barriga, febre, náuseas e vômitos. Também pode ocorrer perda de apetite e urina com sangue;

 

Infecção nos ureteres: o quadro infeccioso acontece nos ureteres, que são os canais que transportam a urina dos rins até a bexiga. Essa infecção é mais comum nos homens e tende a causar dor pélvica e dor no abdômen. É tratada com antibióticos e, em casos graves, também pode exigir internação hospitalar.

semprelivre_bottom1_dance_new

  • SE CUIDA!
    Lavar a calcinha no box é ruim? Confira dicas para cuidar de suas roupas íntimas!
    Você costuma lavar a calcinha no box e nem sabe se isso faz mal? Então é bom ficar de o..
  • SE CUIDA!
    Conheça 6 hábitos que podem causar corrimento vaginal e você nem sabia
    Você sabe o que causa corrimento vaginal? Alguns costumes da nossa rotina podem ser os pr..
  • SE CUIDA!
    Marcou consulta com o ginecologista? Listamos 6 coisas que você deve saber antes de ir!
    Uma coisa é certa: ir ao ginecologista pelo menos duas vezes ao ano é fundamental para a..
  • SE CUIDA!
    Você sabe qual é a diferença entre CAREFREE® TodoDia Flexi e CAREFREE® Proteção? Descubra e use os produtos da forma certa!
    Atualmente é comum passarmos o dia todo fora, mas do trabalho até a volta para casa muit..
  • VER TODAS >

    ÚLTIMAS Novidades

  • Menstruação
    Corrimento marrom depois da menstruação com cólicas pode ser gravidez?
    O corrimento marrom depois da menstruação com cólicas pode ser considerado normal....
    Corrimento marrom depois da menstruação com cólicas pode ser gravidez?
  • SE CUIDA!
    Enquete: Você usa protetor diário?
    Conte para o Só Delas se você usa o protetor diário todos os dias!
    Enquete: Você usa protetor diário?
  • SE CUIDA!
    5 coisas que toda mulher precisa saber sobre pílula do dia seguinte
    Muitas já ouviram falar, mas entender como a pílula do dia seguinte funciona é...
    5 coisas que toda mulher precisa saber sobre pílula do dia seguinte
  • SE CUIDA!
    Como tratar infecção urinária? Ginecologista explica como prevenir e tratar a doença
    A infecção urinária acontece quando bactérias invadem o trato urinário e se multiplicam...
    Como tratar infecção urinária? Ginecologista explica como prevenir e tratar a doença
  • VER TODAS >